Os 5 fatores mais importantes para o sucesso do seu Blog!

Essas dicas podem soar familiares para muita gente que já trabalha com Blogs, mas fato é que a grande maioria ainda não faz o “feijão com arroz” bem-feito nessa área, gastando tempo e energia tentando descobrir o “growth hack” que vai trazer mais tráfego e ranqueamento para seu conteúdo.

Aqui, na Agência Eixo Digital, preferimos investir no simples que funciona, no básico que já provou que dá resultado.

Neste artigo, vamos trazer os 5 fatores mais importantes para o sucesso do seu Blog que, se você aplicar, já te deixará à frente da maior parte da concorrência em seu segmento.

Acompanhe!

1. Conteúdo de qualidade: o mais importante!

Nós não poderíamos deixar de começar com um aspecto que continua sendo o mais importante: conteúdo de qualidade.

Os algoritmos do Google têm se tornado cada vez mais espertos para entender quais conteúdos realmente esclarecem as dúvidas ou resolvem os problemas dos dos usuários que pesquisam no buscador. E é esse o fator que mais vai impactar no sucesso ou não dos conteúdos que você produz.

Conteúdo de qualidade é o que vai aumentar o tempo de permanência do usuário no seu Blog/site, vai aumentar a possibilidade de compartilhamento do seu conteúdo, estimular pessoas a fazer linkagem externa para seu artigo e todas essas métricas boas que a gente tanto deseja.

Para saber mais sobre como produzir conteúdo de qualidade, você pode acessar esta área do Blog da Eixo.

Veja também:

19 termos de marketing digital para entender tudo de Blog!

Guia prático para vídeos virais no Reels, TikTok e Shorts!

2. Escolha um bom tema pro seu Blog!

Este é um daqueles fatores que, aparentemente, não fazem muita diferença, e a maioria das pessoas não costuma prestar muita atenção. Mas, acredite em mim: faz diferença sim!

Estou falando do tema que você escolhe pro seu Blog. De nada adianta você produzir um conteúdo maravilhoso, caprichar no SEO e na formatação, mas, ao publicar seu artigo, o texto perder toda a legibilidade por conta de pouco espaçamento entre as linhas e parágrafos, links internos que se tornam quase ilegíveis, imagens pequenas demais e não é possível ajustar, entre outros problemas.

Ao se deparar com esse tipo de texto, a maioria dos seus queridos visitantes vai desistir de ler o conteúdo que você caprichou tanto para produzir.

Sendo assim, pesquise bem antes de definir um template para seu site/Blog. Nossa dica é: prefira o WordPress. Essa plataforma oferece inúmeras opções; muitas delas, gratuitas.

Veja como geramos um tráfego de 17 mil visitas para um artigo de Blog

3. Seja o primeiro a falar

Outra dica valiosa que quero deixar aqui é: antecipe-se sobre o que as pessoas estão procurando!

Como sabemos, a principal forma como as pessoas chegam até conteúdos de Blog é por meio de pesquisas nos buscadores, em especial o Google.

Sendo assim, para definir suas futuras pautas, é sempre importante analisar as palavras-chaves ou termos que têm uma boa procura, mas também é preciso antever tendências e perceber assuntos pelos quais as pessoas estão demonstrando interesse. São esses que, em breve, estarão bombando nos buscadores. Se quando isso ocorrer, você já tiver um conteúdo falando a respeito, suas chances de se destacar serão maiores.

Para isso, uma ótima ferramenta é o Google Trends. Como o nome sugere, ele mostra o que está em alta no interesse das pessoas no momento, inclusive com gráficos que sinalizam os assuntos que estão em crescimento.

4. Palavras-chave continuam importantes

Esse é um tópico que pode parecer batido, mas que continua sendo relevante. Ao escolher um assunto para seu Blog, trabalhe essa palavra-chave ao longo do artigo em todos os pontos que o Google considera relevantes.

Nesse sentido, é fundamental que sua palavra-chave apareça:

  • No título do artigo.
  • Logo na introdução do texto, de preferência já no primeiro parágrafo.
  • Em ao menos um dos H2.
  • Ao longo do texto, mas de forma natural.
  • No texto do último H2.

5. Link building importa (e muito)!

Outra excelente estratégia para ganhar pontos em fatores como ranqueamento e autoridade é um bom trabalho de link building. E, quando falo disso, eu me refiro tanto à linkagem interna quanto externa.

Linkagem externa

Uma das melhores formas de “romper sua própria bolha” e começar a aparecer para diferentes audiências é ter se conteúdo sendo citado e referenciado em outros Blogs, outros sites ou mesmo em mídias diversas, como vídeos do YouTube e redes sociais de outras pessoas. Mas admitimos que isso não é fácil de se conseguir. 

Mas eu disse difícil, não impossível.

E o principal passo para conseguir isso é voltar ao primeiro tópico deste artigo: produzir conteúdo de qualidade! Isso mesmo, trazer informações relevantes e que gerem valor é o que vai despertar nas pessoas o desejo de querer compartilhar isso com outras pessoas. Afinal, quem não quer ser o portador de algo valioso? Quem não quer ser aquele que será lembrado por ter trazido uma solução para o problema de alguém.

Além disso, comece a fazer linkagem para outros Blogs, a citar outros produtores de conteúdo. Isso tem de ser uma via de mão dupla, e você precisa dar o primeiro passo.

Outra ação é propor diretamente a outros produtores de conteúdo a realização de Guest Posts, ou seja, ele publicar conteúdos no seu Blog e você publicar no dele. Isso costuma gerar ótimos resultados, já que você (e ele) vão aparecer para diferentes audiências.

Mas fique atento: isso só vale a pena se for feito com conteúdos relacionados ao seu nicho. O algoritmo do Google vai identificar como uma ação negativa se você usar essa estratégia apenas para gerar engajamento, aparecendo para pessoas que não têm interesse pela sua área.

Linkagem interna

Igualmente importante é a inclusão de links de outros conteúdos seus dentro do corpo do seu artigo. Essa estratégia é fundamental por vários motivos, como:

  • Promover outros conteúdos do seu Blog.
  • Enriquecer e complementar as informações do artigo atual.
  • Aumentar o tráfego no seu site.
  • Oferecer links de agendamento, orçamento ou compra de produtos.

Trabalhar links internos é importante tanto para o Google quanto para os usuários. Para o Google é uma forma de você sinalizar que seu conteúdo é rico e relevante. Já para o usuário é uma forma de complementar as informações e esclarecer suas dúvidas de um jeito mais completo.

Saiba mais: Blog para clínicas – Construindo uma estratégia de conteúdo de sucesso!

Quer ter um Blog de sucesso: fale com a Eixo Digital

Como vimos, são necessárias muitas ações e cuidados para que um Blog tenha sucesso e gere resultados para seu negócio. E esses cuidados vão desde a construção do site e do Blog, passando pelo planejamento das pautas e as ações de SEO que serão tomadas na produção e publicação do conteúdo.

Se você quer colher para seu negócio todos os benefícios dessa poderosa ferramenta de marketing, mas não quer ter todo esse trabalho, conte com um time de profissionais experientes em gerar resultados para negócios de todos os nichos.

Somos especialistas em marketing digital e já geramos grandes resultados para empresas de diversos portes e segmentos por meio do digital.

Clique no link abaixo e fale com um de nossos especialistas.

QUERO FALAR COM ESPECIALISTA

Como gerar tráfego para o seu site?

Aumentar o tráfego orgânico, ou seja, sem gastar dinheiro, é o sonho de dez entre dez empresários que possuem sites para negócios.

Você pode até imaginar que conseguir tráfego orgânico para seu site seria fácil. Mas infelizmente não é! Trata-se de um trabalho árduo e de longo prazo, que requer paciência para atingir os resultados esperados. 

No entanto, este pode ser o melhor investimento que você fará para sua empresa, já que é gratuito e tem potencial para trazer resultados expressivos.

Dessa forma, neste artigo você encontrará dicas valiosas sobre como gerar mais tráfego no site. E o melhor: sem pagar nada por isso.

Confira!

O que é tráfego orgânico?

O tráfego orgânico é o conjunto de visitantes que chegam ao seu site de forma natural e não paga. Eles encontraram seu site por meio de motores de busca, como o Google, ou clicando em links de outras páginas na internet. Isso significa que essas visitas não foram impulsionadas por publicidade paga, campanhas promocionais ou anúncios. Em vez disso, o tráfego orgânico é resultado do interesse genuíno das pessoas no conteúdo ou produtos que você oferece.

alcançar o topo do Google

Diferença do Tráfego Orgânico do Pago

Agora que sabemos o que é tráfego orgânico, é importante entender a diferença crucial entre o tráfego orgânico e o tráfego pago. A principal distinção está no modo como os visitantes são direcionados ao seu site e nas implicações financeiras.

  1. Tráfego Orgânico: O tráfego orgânico é gratuito, mas ele não acontece instantaneamente. Ele é construído ao longo do tempo, à medida que seu site ganha visibilidade nos motores de busca, com base em seu conteúdo relevante e otimizado para SEO (Search Engine Optimization). Isso requer paciência e esforço contínuo para classificar bem nas páginas de resultados de busca, mas, uma vez alcançado, o tráfego orgânico pode ser uma fonte constante de visitantes de alta qualidade.
  2. Tráfego Pago: Por outro lado, o tráfego pago envolve o desembolso de dinheiro para impulsionar o número de visitantes ao seu site de forma imediata. Isso é geralmente feito por meio de anúncios em plataformas como o Google Ads ou redes sociais. Embora gere resultados rápidos, o tráfego pago exige um orçamento e pode ser caro, especialmente se não for gerenciado adequadamente.

Em resumo, o tráfego orgânico é valioso porque é construído com base no mérito do seu site e pode ser sustentável a longo prazo. O tráfego pago é uma estratégia útil para alcançar resultados imediatos, mas requer um investimento financeiro. Uma estratégia eficaz geralmente combina ambos, maximizando o potencial de seu site para atrair visitantes e atingir seus objetivos online. Portanto, entender a diferença entre esses dois tipos de tráfego é fundamental para o sucesso de sua presença online.

Guia prático para vídeos virais no Reels, TikTok e Shorts!

8 dicas para aumentar o tráfego orgânico do seu site

Invista em SEO

SEO é a sigla em inglês para Search Engine Optimization (Otimização de Motores de Busca), e refere-se a um conjunto de técnicas que visam melhorar a posição de uma página no Google ou qualquer outro buscador, gerando tráfego orgânico e autoridade para o site.

Ou seja, além de criar ótimos conteúdos, é necessário otimizar suas páginas para que elas tenham um bom ranqueamento nos mecanismos de busca, direcionando assim tráfego para seu site. 

Algumas das otimizações que podem ser feitas na página são:

Tag de Título e Meta descrição

Também chamada de Título SEO, a tag de título (title tag) é um código HTML que representa o título da página web. É essa tag que o Google e outros buscadores utilizam para ler o título de um conteúdo e exibi-lo em sua página. Esse é um dos elementos mais importantes do SEO.

Já a Meta descrição é um pequeno texto que resume tudo que o usuário vai encontrar dentro de uma página. Aparece logo abaixo do título e do link que são apresentados ao se fazer uma busca no Google. É preciso que seja curta e chamativa.

Veja também: Google Ads Para Médicos

Links Internos

Links internos são links que direcionam o leitor para outra página ou artigo de seu próprio site. Ao longo deste post você já se deparou com alguns deles. É uma importante estratégia de SEO, já que a linkagem interna fortalece a autoridade da página, indicando ao algoritmo do Google que a página é referência no assunto tratado.

Saiba mais: Como aumentar o tráfego orgânico do site com inbound

Tenha uma estratégia de Blog

Ter um blog é uma estratégia que costuma gerar ótimos resultados de tráfego para um site, seja qual o nicho que ele está inserido. Isso porque com o blog é possível produzir artigos que permitem um aprofundamento maior nos conteúdos, o que é essencial para que um negócio ganhe autoridade naquele assunto aos olhos do Google e dos seus leitores.

Além disso, o blog te dá a possibilidade de conversar de forma aberta e clara com aqueles que se interessam por seu produto ou serviço, permitindo que você trabalhe no posicionamento de sua marca. 

E, através do conteúdo produzido, aumente a autoridade do site em seu segmento. Ao ser visto como autoridade em determinado assunto, os mecanismos de busca naturalmente passam a posicioná-lo melhor nos resultados de busca, gerando assim mais tráfego orgânico.

Promova seu site nas redes sociais (serviços, artigos)

Uma forma de gerar mais tráfego orgânico para seu site que não pode ser ignorada é a promoção de conteúdos nas redes sociais. Afinal, é bem provável que seu público-alvo esteja ativo em algumas delas (se não em todas).

No entanto, essa estratégia não pode ser realizada de forma aleatória. É preciso descobrir em quais redes sua persona está mais presente e também direcionar seu foco para a interação.

Isso significa responder perguntas e comentários em sua página no Facebook, participar de discussões relevantes para seu nicho no Twitter e nos fóruns do Linkedin.

Construa um relacionamento com seus seguidores nessas redes sociais e estabeleça uma confiança de longo prazo. Dessa forma, a probabilidade deles compartilharem seu conteúdo com os contatos deles é maior, promovendo mais tráfego para o site e reconhecimento de marca para sua empresa.

Leia também: Tráfego qualificado: o que é e como gerar para meu site?

Tenha conteúdos no YouTube

Além da criação de conteúdo relevante e útil para seu site, uma outra forma de gerar tráfego sem gastar dinheiro é adaptar seu material para diferentes formatos – seja escrito, áudio, vídeo, foto, infográfico – diversificando assim os canais em que ele será distribuído.

Afinal, é bem provável que seu público esteja presente também em outras plataformas, já que uma única pessoa pode ter perfil no Instagram, Facebook, Twitter, Linkedin e ainda ser usuário frequente do YouTube.

Os vídeos do YouTube, por exemplo, podem ser um excelente canal para atrair e engajar novos assinantes. Também é uma estratégia de marketing bastante eficiente, pois permite que seus clientes vejam uma demonstração do seu produto ou serviço, além de ajudar a sanar as dúvidas do público sobre sua marca e direcionar o tráfego de pesquisa orgânica para o seu site.

Pesquise as palavras-chave que seu público usa

A boa utilização das palavras-chave é um fator fundamental para que seu site apareça entre os principais resultados nas páginas de mecanismos de busca como o Google. Afinal, quando um usuário pesquisa por algo no site de buscas, geralmente ele digita uma palavra ou termo que, em menos de um segundo, retorna milhares de resultados.

A partir do momento que você passa a identificar quais são as palavras-chave mais comuns que as pessoas buscam em seu nicho de atuação, é possível direcionar o seu conteúdo e passar a produzir material baseado nesses termos.

Assim, o algoritmo dos buscadores poderá encontrar seu site mais facilmente e exibi-lo entre as primeiras posições quando um usuário pesquisar um assunto relacionado à sua área de atuação.

Leia também: Tráfego orgânico: o que é e como aumentar em 5 passos

Tenha um site rápido e responsivo

Ter um site responsivo significa que ele pode ser bem visualizado independentemente do dispositivo utilizado (computador, celular, tablet, etc). Além disso, elementos como texto, imagens e layout se adaptam a qualquer formato de visualização.

Considerando que o celular é o principal meio de acesso à internet atualmente e que, em todo o mundo, mais da metade das pesquisas são feitas em dispositivos móveis, ter um site responsivo é fundamental para que o usuário tenha uma boa experiência nas suas páginas.

Em termos de tráfego, responsividade e velocidade são fundamentais para que seu site apareça nos resultados de busca, já que o Google não dá preferência para páginas que pecam nesses fatores.

Invista em estratégia de guest posts

A estratégia de guest post para aumentar o tráfego do site pode ser efetiva das duas formas em que é possível fazê-la. Você pode ser convidado para escrever em algum site de autoridade no seu nicho ou convidar um especialista – também do seu nicho – para compartilhar material em seu site.

Por um lado, seu post como convidado em uma página de autoridade pode aumentar consideravelmente o tráfego para seu site, além de contribuir para um melhor posicionamento de marca. Já receber um especialista pode gerar backlinks em seu site, que ele provavelmente compartilhará o link da postagem em sua própria página, aumentando assim seu tráfego de referência.

Trabalhe o link building

A estratégia de link building visa, principalmente, conquistar links de outros sites que apontam para o seu, o chamado backlink. Da mesma forma, essa estratégia engloba também os links internos, que são os links incluídos em sua própria página e direcionam o usuário tanto para dentro quanto para fora de seu site.

Trabalhar o link building significa mostrar ao Google e outros mecanismos de buscas que seu site tem autoridade e popularidade perante o mercado. Ou seja, quanto mais links ele receber de sites de referência, mais ele se mostra relevante na sua área de atuação. Assim, seu site conquistará melhores posicionamentos nos resultados de pesquisa.

Saiba mais: Principais fatores de ranqueamento do Google!

Responda ao “As pessoas também perguntam”

“As pessoas também perguntam” é um recurso implementado pelo Google para melhorar a experiência do usuário em relação à busca por termos e palavras-chave.

Ao buscar um termo no Google, logo abaixo do primeiro resultado surge um campo com o título ”Pessoas também perguntam”, que tem o intuito de complementar a busca, indicando outros conteúdos relacionados que podem ser do mesmo interesse.

Ao criar conteúdo aprofundado sobre perguntas reais que os usuários estão fazendo, você certamente direcionará tráfego orgânico para seu site. Portanto, utilize o “As pessoas também perguntam” para a criação de conteúdos relevantes, de acordo com seu público-alvo.

Eixo Digital: especialistas em geração de tráfego!

Todas essas dicas apresentadas no artigo são capazes de fazer com que seu site receba mais tráfego e, o que é melhor, você não gastará nada aplicando-as em sua estratégia.

No entanto, se você deseja obter resultados expressivos com seu site, seja em termos de tráfego ou de vendas e negócios fechados, você precisa de uma estratégia robusta de Inbound Marketing.

Para isso, nada melhor do que conversar com quem entende do assunto.

A Eixo Digital é especialista em Inbound Marketing, e com nossa experiência já testada e comprovada por dezenas de outras empresas, podemos te ajudar a chegar ainda mais longe.

FALE COM UM DE NOSSOS ESPECIALISTAS

Consultoria de SEO local: como aparecer no Google?

A consultoria de SEO local poderá aumentar em até 70% o fluxo de visitas no ambiente físico da sua empresa!

E tem mais: se até 76% das pessoas que buscarem a sua empresa no Google a visitarem nos próximos dias, isso seria interessante para você?

Pois essa é apenas uma prévia dos grandes números que investir em SEO local pode trazer para você, com base nos estudos abaixo:

  • Mais de 70% dos consumidores que buscam uma loja ou empresa no Google a visitam, se ela estiver a no máximo 8 km de distância (HubSpot).
  • Até 76% dos consumidores visitam a loja de uma empresa que pesquisaram antes no Google utilizando seus celulares (Google).

Resumindo: se você busca atrair novos clientes no local onde a sua empresa atua, investir em SEO local vai potencializar seus resultados de forma única. 

Então, para saber como fazer isso, continue acompanhando este artigo!

O que é SEO local?

SEO local é o conjunto de estratégias, ajustes e técnicas aplicadas nos conteúdos digitais de uma empresa, para fazer com que ela ganhe destaque nas pesquisas dos usuários no Google em determinada região.

Por exemplo, se uma clínica de fisioterapia fica localizada em determinada região de Brasília e quer atrair pacientes próximos, o SEO local vai ajudar nisso.

O que é SEO local?

Como mostra a imagem acima, é muito provável que as clínicas que aparecem nas primeiras posições tenham seguido recomendações de SEO local para se destacarem nessa pesquisa.

Guia definitivo do Pinterest: domine e impulsione seu marketing!

Como aparecer no Google de graça?

Para que o seu negócio apareça em destaque para buscas locais relacionadas, você precisa trabalhar em 2 principais frentes: o perfil da sua empresa no Google Meu Negócio e ajustes no seu próprio site, focados em buscas locais que os usuários fazem.

Entenda melhor o que você deve fazer.

1. Tenha (e otimize) perfil no Google Meu Negócio

O Google Meu Negócio é um recurso especial do Google para empresas que atuam localmente. Nele, é possível criar um perfil da sua marca, que será exibido para os usuários quando eles buscarem por ela.

Tenha (e otimize) perfil no Google Meu Negócio

A grande vantagem é que, com esse perfil, você já vai entregar para o usuário todas as informações que ele precisa sobre a sua empresa, como:

  • endereço;
  • telefone;
  • localização no Google Maps;
  • site;
  • horário de funcionamento;
  • comentários e avaliações;
  • fotos e vídeos;
  • perguntas e respostas.

Ter cada uma dessas informações de forma simples e rápida facilita com que o usuário tome uma decisão de compra, por exemplo, em direção à sua empresa.

Para ter uma ideia, 86% dos consumidores procuram pela localização de uma empresa no Google antes de visitá-la.

Além disso, o Google valoriza e prioriza nos resultados as empresas que possuem bons perfis no Google Meu Negócio. 

Então, quanto mais completo e atualizado o seu perfil, melhor!

👉 Para turbinar o seu perfil, os conteúdos abaixo vão ajudar você, mesmo que seu negócio não seja da área da saúde:

Google Meu Negócio: aprenda a gerenciar a ferramenta

2. Conquiste avaliações positivas

Contar com avaliações positivas no seu perfil do Google Meu Negócio será determinante para convencer novos clientes de que a sua empresa é o que buscam!

Além disso, as avaliações também vão ajudar com que o seu perfil seja colocado em destaque nas pesquisas dos usuários. Pois, por meio das avaliações, o Google conseguirá entender se a sua empresa é a melhor solução para o que o usuário busca ou não.

👉 Para conquistar avaliações positivas, você pode utilizar recursos como QR Code, pesquisas de satisfação, e-mail marketing, entre outros. Saiba mais neste artigo: 5 formas de estimular avaliações positivas no Google Meu Negócio

3. Faça parceria com blogs locais

Se uma outra empresa da sua região incluir um link em seu site direcionando para o site da sua empresa, o Google entende que você é uma autoridade naquela região.

Você pode buscar esses links em sites parceiros, empresas vizinhas, blogs de influenciadores locais, associações, diretórios, entre outros tipos de negócios.

O principal é que esses sites tenham alguma relação com o segmento da sua empresa e não sejam concorrentes diretos.

Uma clínica de exames de imagem pode conseguir links de sites de médicos parceiros, por exemplo.

👉 Essa estratégia é conhecida no SEO como link building. Conheça mais neste artigo: O que é link building e como aplicar essa estratégia [2022]

4. Produza conteúdo local

A melhor forma de fazer isso é incluir a palavra-chave dessas pesquisas nos conteúdos!

Dessa forma, o Google consegue encontrar mais facilmente esses conteúdos e mostrá-los em destaque para os usuários quando fizerem buscas locais.

Assim, além do Google Meu Negócio, você tem uma outra oportunidade de aparecer com o seu site para pessoas interessadas na sua região.

Se você possui uma empresa de softwares em São Paulo, por exemplo, é interessante produzir um conteúdo sobre “onde encontrar empresas de software em São Paulo”, sendo a palavra-chave “empresas de software sp”, por exemplo.

👉 Para entender melhor sobre conteúdos de site e palavras-chave, confira estes artigos:

5. Adapte o seu site para dispositivos móveis

Quase 60% das pessoas não recomendariam uma empresa que não possui um site adaptado para dispositivos móveis (Safari Digital).

E mais: quase 60% de todas as buscas no Google são feitas em dispositivos móveis (Hitwise). Além disso, pesquisas como “onde comprar algo” + o termo “perto de mim” cresceram em torno de 200% nos últimos anos (Google).

O que queremos te dizer com esses dados é que o uso de dispositivos móveis é uma tendência, especialmente para pesquisas locais. E o Google está atento para essa tendência.

Então, se você quer ter bons resultados com SEO local, é essencial que o seu site seja adaptado para esse tipo de dispositivo.

👉 E uma das melhores formas de fazer isso é por meio de sites responsivos. Saiba como deixar o seu site responsivo neste artigo: Site responsivo: o que é e como ter um?

Vamos colocar o seu negócio no mapa com Consultoria de SEO Local?

Para colocar o seu negócio em evidência para consumidores próximos a você, contar com uma ajuda especializada e profissional faz toda a diferença.

A Eixo Digital possui toda a bagagem, experiência e conhecimento técnico em SEO que você precisa para conquistar grandes resultados para a sua empresa.

Temos mais de 8 anos de experiência com Marketing Digital. E, nesse período, já ajudamos diversas empresas e negócios a conquistarem bons retornos com SEO. Confira aqui alguns exemplos.

Nós também podemos ajudar você a atingir melhores resultados com o seu negócio! Clique no botão abaixo para conversarmos sobre como podemos te ajudar.

QUERO FALAR COM UM ESPECIALISTA DA EIXO

Case de sucesso de SEO: a Clínica Viver aumentou os visitantes orgânicos do seu site em 1.408% e os pedidos de agendamento em 278%. Clique aqui e veja como a Clínica alcançou esse resultado!

Tendências do marketing médico

Em um mundo ainda sob influência dos efeitos da pandemia da Covid-19, os comportamentos, não só do seu paciente como também dos seus concorrentes, mudaram drasticamente.

Sua empresa na área da saúde está em sintonia com essa nova realidade? Quais são as principais tendências desse novo mercado e como aproveitar cada uma delas? 

É com essa visão de futuro e análise do presente que trazemos a você algumas dicas e reflexões que podem te ajudar a fazer um planejamento muito mais assertivo para sua clínica, consultório ou empresa médica.

Acompanhe! 

1. Aumento acelerado da concorrência

Enquanto muitos serviços estiveram em baixa durante a pandemia, o mercado médico só acelerou, aumentando o número de novas clínicas, consultórios e médicos.

Um levantamento da Demografia Médica no Brasil mapeou 500 mil médicos registrados no país em novembro de 2020.

Em termos de quantidade de registros, esse número subiu para 547.344, considerando médicos com registros secundários, ou seja, com inscrições ativas em mais de um Conselho Regional de Medicina.

👉 Nos últimos 100 anos, o número de médicos no Brasil aumentou proporcionalmente 5 vezes maior que o número de habitantes.

Esses dados nos dão uma certeza: o mercado médico se torna cada vez mais desafiador, haja vista a entrada não só de mais médicos, sendo esses mais jovens e antenados com as possibilidades da comunicação digital, mas também o amadurecimento do setor que cada vez mais se utiliza das ferramentas online para captar pacientes. 

Uma ótima forma de entrar – ou se aprimorar – neste universo de possibilidades digitais é baixando nossa revista Transformação Digital na Saúde. Acesse clicando neste link ou na imagem abaixo!

revista médica

Guia definitivo do Pinterest: domine e impulsione seu marketing!

2. A busca pela Telemedicina 

Uma das grandes transformações trazidas pela pandemia foi a aceleração do consumo de produtos e serviços sem precisar sair de casa, desde as idas ao cinema até os pedidos de comida por delivery.

A saúde não ficou fora disso!

A telemedicina se tornou realidade para inúmeros brasileiros que encontraram no serviço mais praticidade e segurança na hora de procurar um médico. 

👉 No Brasil, de 2020 a 2021, ocorreram mais de 7,5 milhões de atendimentos online, realizados por mais de 52,2 mil médicos.

A implementação da telemedicina é também uma forma de quebrar barreiras e expandir as suas possibilidades de atendimento para além dos limites geográficos, atendendo pacientes de outras cidades e até mesmo de outros países. Inclusive, profissionais de saúde que dominam outros idiomas hoje podem expandir seus horizontes profissionais.

2. A busca pela Telemedicina 

Além de ser um grande diferencial para a experiência do seu paciente, integrar práticas como essa é também se preparar para um futuro que se torna cada vez mais digital e focado em otimizar o tempo das pessoas.

Você encontra mais dicas, informações e estratégias sobre essa modalidade nos artigos abaixo: 

3. Paciente cada vez mais empoderado nos cuidados com a sua saúde

O comportamento do seu paciente mudou em relação à saúde. A tecnologia dá a ele a possibilidade de buscar informações num piscar de olhos, possibilitando-o trocar de médico em instantes ou, até mesmo, contestar suas orientações, caso ele não se sinta confortável (provavelmente você já tem percebido isso).

Por mais que nenhuma ferramenta digital ou software substitua a importância do médico no diagnóstico e tratamento de doenças, é fato que esses recursos têm sido cada vez mais presentes na vida das pessoas.

Hoje são comuns os relógios inteligentes (smartwatches) que monitoram batimentos cardíacos, nível de oxigenação no sangue, qualidade do sono. Ou aplicativos que contam a quantidade de passos em um dia, o desempenho em atividades físicas, entre tantas outras possibilidades. 

E muitos profissionais e empresas da saúde têm se habilitado para interagir com tais ferramentas, nos cuidados com seus pacientes. Alguns profissionais, clínicas e consultórios já recebem dados diretamente desses dispositivos para monitorar seus pacientes.

Se antes, toda informação dependia da avaliação de um especialista, hoje seu corpo clínico deverá agregar muito mais em interpretações, soluções e diagnósticos avançados, e claro, na humanização do atendimento.

Leia também:

Confira 15 dicas para atrair e fidelizar novos pacientes

4. Integração de dados e automação de processos

Para complementar tudo que abordamos até aqui, o avanço no uso de dados e da inteligência artificial em favor da gestão da saúde é outra tendência forte para o setor.

Os algoritmos computadorizados têm se tornado cada vez mais presentes, ajudando desde a coleta de dados do paciente quanto na interpretação de exames de forma mais rápida e precisa.

Por exemplo, já é realidade no Brasil o uso de inteligência artificial em exames como a ressonância magnética, auxiliando na reconstrução das imagens, permitindo que os exames sejam mais rápidos, com imagens mais precisas. Quem mais ganha com isso é o paciente.

4. Integração de dados e automação de processos

No campo do marketing, ferramentas hoje permitem inúmeras possibilidades, como automação de processos de comunicação com pacientes, monitoramento de fontes de contato e muito mais.

Não feche os olhos para essas e outras possibilidades!

Leia também:

Como gerar leads no marketing médico

5. Marketing educativo, interativo e humanizado 

Por mais que a tecnologia tenha se tornado cada vez mais importante para o relacionamento entre médico e paciente, o contato humano e o vínculo de confiança baseado na autoridade do corpo clínico, continuam sendo essenciais para garantir o sucesso da sua clínica, consultório ou empresa médica. 

Dê voz aos seus especialistas e invista em construir laços entre médicos e pacientes.

Produza conteúdo considerando toda jornada que o seu paciente percorre, desde ser um completo estranho até se tornar seu um cliente, como:

  • Antes de pensar em agendar uma consulta.
  • Considerando o agendamento.
  • Agendando.
  • Locomovendo-se até seu espaço.
  • Sendo atendido na recepção.
  • Sendo atendido pelo corpo clínico.
  • Realizando exames ou procedimentos pós-consulta, se for o caso.
  • Aguardando resultados, e por aí vai. 

Desta forma, crie sua audiência e aproxime-se dela, com conteúdos humanizados e interativos gradualmente, construindo e fortalecendo sua marca. 

Confira o nosso passo a passo para produzir conteúdos médicos de alta qualidade!

Marketing de conteúdo para médicos: como saber o que dizer e quando dizer?

Conteúdo para marketing médico: 18 dicas para ter ideia de pauta o tempo todo!

6. Encontre os parceiros certos

Algo que você já deve ter notado, é que o boca a boca não é mais suficiente e que a principal tendência é procurar atendimento médico (e ser encontrado) pela internet.

Cada vez mais, o mercado tem se dado conta disso, e se o seu negócio não está trazendo resultados no digital, você certamente será substituído pela concorrência no futuro. 

Fazer marketing pode não ser sua especialidade e nem precisa ser. Mas você precisa começar a se aliar a parceiros que possam atender a essa necessidade!

A Eixo Digital é uma agência especializada em marketing médico, pronta para trazer resultados concretos para o seu empreendimento em um atendimento 360o para fazer o seu nome aparecer no Google, fidelizar pacientes e construir uma identidade de marca forte para conquistar o mercado.

Clique no link abaixo e conheça um pouco mais sobre as nossas soluções! 

FALE COM NOSSOS ESPECIALISTAS

Site responsivo: o que é e como ter um?

Se o seu site não é responsivo, é possível que você esteja oferecendo uma experiência online ruim para em torno de 60% a 99% dos usuários que o visitam hoje.

Pois é, é um dado chocante!

Mas é o que mostra um levantamento do Comitê Gestor da Internet Brasil, que também aponta que 99% dos brasileiros com acesso a internet utilizam o celular para navegar e que 58% deles acessam a internet exclusivamente via mobile.

E, nesse sentido, um site responsivo faz toda a diferença para a experiência via celular ou qualquer outro dispositivo, ajudando seu marketing digital a decolar.

Quer saber mais? Então, continue acompanhando!

O que é um site responsivo?

Um site responsivo é aquele que pode ser bem visualizado, sem problemas nem dificuldades, independentemente da plataforma ou meio utilizados (seja computador, celular, tablet e, por que não, até nas smart TVs.

Quer conferir um bom exemplo de site responsivo? Clique neste link e acesse o site da Eixo Digital. Você vai ver que as páginas abrem rapidamente e mesmo diminuindo ou aumentando a janela do navegador, a visualização não é prejudicada. 

site responsivo - eixo digital

Além disso, os elementos do site (imagens, textos, layout, botões, design) se adaptam a qualquer formato de visualização, sem nenhuma distorção ou prejuízo na resolução. Percebeu?

Todos os elementos continuam proporcionais, bem ajustados e podem ser visualizados claramente. Isso faz um site ser responsivo.

Guia definitivo do Pinterest: domine e impulsione seu marketing!

Meu site não é responsivo, e agora?

Se o seu site não é responsivo, essa pode ser uma das principais causas para o seu marketing digital não estar rendendo os resultados que espera.

Afinal, um site não responsivo:

  • Promove uma má experiência para o usuário que o acessa (o que impacta diretamente nas conversões de leads e vendas).
  • Não tem destaque na página de resultados do Google (o que pode fazer com que tenha poucos acessos e visitas mensais no site).
  • Tende a ser mais lento e ter uma velocidade de carregamento maior (o que causa uma alta taxa de rejeição e faz as pessoas fecharem o site rapidamente, desistindo de continuar consumindo o conteúdo da página).

Para conferir se o seu site é responsivo ou não, basta testá-lo da mesma forma que fizemos acima com o site da Eixo. Abra-o em seu computador e ajuste o tamanho da janela para diferentes formatos.

Se o seu site ficar com fontes desproporcionais, elementos e imagens distorcidos, algumas letras muito pequenas e outras maiores, com dificuldade para ler ou para visualizar algo (sendo necessário zoom em excesso ou utilizar a barra de navegação para ir onde precisa), então o seu site não é responsivo.

Conseguiu fazer o teste? Seu site é responsivo ou não? Percebeu algo estranho visualmente? Há algo a melhorar? Então, confira o tópico abaixo para ajustar o que for necessário.

O que você precisa considerar para ter um site responsivo

Para tornar um site responsivo, é essencial ter atenção nos seguintes pontos:

1. Layout

Tenha consciência de que alterar o layout, as cores e ajustar detalhes simples (como manter um espaço maior entre os links para que o usuário não clique em 2 links ao mesmo tempo) são ações fundamentais para tornar seu site responsivo.

Além disso, é importante adaptar o layout do seu site para os diferentes tipos de tela pelos quais os usuários podem acessá-lo (como smartphones, tablets, notebooks ou computadores ou navegadores de smart TVs).

2. Imagens flexíveis

Para que não corra o risco de os usuários acessarem o seu site por um dispositivo e visualizarem imagens distorcidas, é importante que você flexibilize as imagens.

Uma maneira de fazer isso é atribuir tamanhos máximos e mínimos de largura das imagens, além de escolher diferentes tipos de imagens para serem carregadas em diferentes dispositivos.

👉 Por falar em imagem, veja como trabalhá-las em suas redes sociais:

Imagens que vendem: aprimorando sua estratégia nas redes sociais

3. Foco no essencial

Existe algo no seu site que está em excesso? Ou que não é necessário para que o usuário entenda o que está visualizando? Ou, ainda, que pode ser resumido? 

Então, retire o que é desnecessário no seu site e priorize a exibição dos elementos principais.

Muitos elementos podem não se adaptar bem em dispositivos móveis, além de deixarem o site mais lento (o que, como você viu, traz prejuízos).

4. Faça testes

Para saber se o seu site está responsivo o suficiente é fundamental testar.

Entre no seu site por diferentes dispositivos e veja como ele é exibido em cada um deles. Além disso, não tenha medo de testar com usuários reais!

Dessa forma, será possível identificar problemas de exibição, ajustes e melhorias para deixar o seu site ainda mais responsivo.

5. Ferramentas

Algumas ferramentas vão ajudar você a analisar o seu site e, ainda, deixá-lo mais responsivo de maneira mais fácil. Estas são algumas delas:

  • PageSpeed Insights: permite avaliar o desempenho do seu site em diferentes dispositivos (como desktop ou mobile). A ferramenta atribui uma pontuação de 0 a 100 e, em geral, acima de 85 é uma boa nota de referência.
  • Responsinator e Screenfly: com essas ferramentas, é possível ver como o seu site é exibido em diferentes dispositivos.
  • Adaptive Images: utilize para tornar suas imagens mais flexíveis! Essa ferramenta adapta a dimensão das imagens do seu site de acordo com o formato de tela de cada dispositivo, automaticamente.

👉 Leia também:

Veja o que você pode fazer para o seu site vender mais

Quer ter mais leads virando clientes? Conheça a Eixo Digital

E aí, gostou das dicas? É claro que não poderíamos deixar de falar que um dos principais pontos que você deve considerar é contar com especialistas para tornar o seu site mais responsivo.

Tais profissionais possuem a bagagem e a experiência necessária com criação e otimização de sites, além de toda a expertise e conhecimento técnico, específico da área.

Nesse sentido, considere a Eixo Digital como a parceira ideal do seu negócio!

Temos mais de 7 anos de experiência com o Marketing Digital e, nesse período, ajudamos diversas empresas e negócios a atingirem resultados surpreendentes. Confira aqui alguns cases de sucesso.

Nós também podemos ajudar você a atingir melhores resultados com o seu negócio! Clique no botão abaixo para conversarmos sobre como podemos te ajudar.

QUERO FALAR COM UM ESPECIALISTA DA EIXO

Reunimos nossas melhores dicas de SEO em um ebook completo, com tudo o que você precisa saber para melhorar o alcance de seus conteúdos. E o melhor: de graça! Clique e baixe agora!

Leads não estão convertendo? Onde sua estratégia está falhando!

Como você sabe, os leads são pessoas que demonstraram interesse em algum material online de sua empresa, a ponto de entregar seu nome, e-mail ou telefone.

O ideal é que boa parte dessas pessoas avancem em seu funil de vendas e se convertam em clientes, mas nem sempre é isso que ocorre. Existem fatores que podem estar dificultando esse resultado. E é justamente nesse sentido que este artigo vai te ajudar!

Vamos explicar melhor para você o que interfere na conversão de leads em vendas para que possa analisar na sua estratégia exatamente o que está faltando.

Afinal, de nada adianta acumular vários contatos se nenhum ou poucos deles efetivamente compram o que você oferece, certo? 

Você precisa de resultados e vamos te ajudar. Continue acompanhando!

Como escrever assuntos de e-mail criativos e chamativos para suas campanhas

Entendendo a jornada de compra do seu cliente

Um dos principais fatores que podem estar fazendo com que os seus leads não se convertam em vendas é que eles podem não estar no momento da compra.

Isso está 100% relacionado com a jornada de compra dos clientes, um conceito muito utilizado no Marketing Digital, especialmente na metodologia do Inbound Marketing.

Em resumo, a jornada de compra estabelece que existe um caminho pelo qual as pessoas passam até, finalmente, consumir algo de uma empresa. 

Esse caminho pode começar em um momento bem inicial (chamado “Aprendizado e Descoberta), onde o consumidor não conhece nada da empresa, foi atraído por um post nas redes sociais ou um artigo no blog, por exemplo, e vai até o momento em que ele está pronto para comprar (chamado “Decisão de compra”).

Na imagem abaixo você visualiza as quatro fases da Jornada de Compra, pelas quais o consumidor geralmente passa.

👉Saiba mais:

Jornada de compra: o que é, como funciona na prática, e exemplos.

Guia definitivo do Pinterest: domine e impulsione seu marketing!

A grande questão é: em qual momento da jornada de compra os seus leads estão? Quantos estão, ainda, no início; e quantos estão efetivamente no final, prontos para comprar?

Entender isso faz toda a diferença pois, um lead que está no início e não sabe nada da empresa ainda não deve receber a mesma abordagem de venda que um lead que está no final, apenas esperando um estímulo para comprar, certo?

Então, avalie em qual momento da jornada de compra os seus leads estão e se você está abordando os contatos certos para tentar fechar uma venda.

👉Tenha acesso a um grande acervo de conteúdos que vão ajudar você a turbinar suas vendas, acessando este link.

Como converter leads em vendas

Para converter leads em vendas, os pontos abaixo são essenciais. Leia e confira se você está aplicando corretamente na sua estratégia ou não.

1. Captação de leads: você tem oferecido conteúdo de qualidade?

Por conteúdo de qualidade, entenda aquele tipo de conteúdo que vai preparar melhor o lead para comprar o que você oferece e que vai facilitar o trabalho do time comercial na hora da venda.

Isso significa que, no momento da venda, o lead já precisa ter consumido diversos conteúdos que dão a certeza para ele de que o seu produto ou serviço é o que ele precisa.

Isso inclui, por exemplo, materiais gratuitos que mostram como a sua solução vai resolver o problema que o lead possui, e-mails com os seus diferenciais e benefícios, artigos de Blog com cases de sucesso, histórias e depoimento de clientes, entre outros.

Conteúdos como esses são ótimas opções para captar leads, pois são atrativos e relevantes para o público que busca pela sua solução, além de guiá-los em direção à compra e educá-los para terem certeza de que o que você oferece é o que precisam.

👉Para conferir se você está fazendo a captação dos seus leads da melhor forma, leia também os conteúdos abaixo:

2. Análise dos leads: quais os contatos que têm mais chances de comprar?

Entender exatamente quem são os contatos que você tem na sua base hoje é essencial.

Pois somente assim você conseguirá identificar aqueles com maior potencial de adquirir o seu serviço/produto para abordá-los comercialmente e aumentar as chances de fechar uma venda.

Recomendamos, por exemplo, que você analise e separe os seus leads da seguinte forma:

  • Leads para os quais a solução da empresa é viável e aplicável (principalmente em caso de negócios B2B).
  • Leads que necessitam da solução da empresa e enxergam muito valor nela.
  • Leads que possuem condições financeiras para adquirir a solução.
  • Leads que fazem parte do perfil ideal de cliente.
  • Leads que possuem poder de decisão de compra (também para negócios B2B).
  • Leads que estão prontos para comprar, no momento certo.

Analisar e dividir dessa forma vai permitir que você personalize a abordagem comercial para cada grupo e, assim, potencialize as vendas finais.

3. Estratégias para converter leads em vendas: você tem aplicado as melhores práticas?

Algumas estratégias costumam potencializar ainda mais a conversão de leads em vendas. São elas:

  • Lead scoring: com essa estratégia, é possível pontuar os contatos de acordo o quão próximo eles estão das características, informações ou ações de um cliente ideal. Por exemplo, imagine que você possui uma clínica de oftalmologia, e o seu cliente ideal possui dificuldade de enxergar, não possui plano de saúde e tem um poder aquisitivo maior. Para cada fator desse, você atribui um ponto. Os contatos que se encaixarem em mais fatores e tiverem mais pontos, devem ser o foco da sua abordagem comercial.
  • Lead tracking: já com essa estratégia, é possível criar um código de acompanhamento para cada lead e acompanhar suas ações e interações com a empresa. Assim, consegue-se saber quais leads solicitaram um orçamento, quando solicitaram e tudo o que fizeram antes disso (como quais e-mails abriram, quais conteúdos leram ou baixaram, entre outras ações). Esse caminho que o lead percorreu até solicitar o orçamento é uma informação muito rica para fazer a abordagem comercial correta.

👉 Além de tudo isso, a boa integração dos times de marketing e vendas e o uso de ferramentas de automação também são pontos essenciais para converter leads em vendas. Entenda mais sobre esses tópicos nos artigos abaixo:

Quer conferir uma checklist de fatores que podem estar impedindo o crescimento do seu negócio? Então baixe nosso e-book gratuito, neste link ou na imagem abaixo!

Quer ter mais leads virando clientes? Conheça a Eixo Digital

Se os seus relatórios de vendas não estão apresentando os resultados que gostaria, pode ser também uma falha no seu marketing. E a Eixo Digital está pronta para resolver essa falha para você!

Temos mais de 7 anos de experiência com o Marketing Digital e, nesse período, ajudamos diversas empresas e negócios a atingirem resultados surpreendentes. Confira aqui alguns cases de sucesso.

Nós também podemos ajudar você a atingir melhores resultados com o seu negócio! Clique no botão abaixo para conversarmos sobre como podemos te ajudar.

QUERO FALAR COM UM ESPECIALISTA DA EIXO

Análise de Marketing Digital: um guia de como fazer para otimizar suas campanhas!

A Análise de Marketing Digital é uma das maiores vantagens do Marketing Digital. É a possibilidade de ter acesso a dados das campanhas para poder analisar e direcionar a estratégia no rumo certo do sucesso!

Afinal, um marketing guiado a dados e análises constantes permite a tomada de decisões mais assertivas e com mais segurança, deixando achismos ou incertezas de lado.

E, ainda, permite que você assuma o controle dos resultados e saiba se o investimento está realmente valendo a pena. Não é esse o sonho de qualquer empresário ou responsável pelo marketing?

Porém, esse campo analítico pode ser perigoso. Uma análise de dados equivocada pode  e acabar direcionando sua estratégia para o caminho errado.

Por isso, preparamos este guia completo de conteúdos variados sobre análise de Marketing Digital (com artigos de blog, vídeos e e-books), para que tenha acesso à visão completa que precisa para otimizar suas campanhas e guiar seus resultados da forma correta!

Está dividido da seguinte forma:

  • O que é análise de marketing?
  • Conteúdos sobre as ferramentas indicadas para analisar;
  • Conteúdos sobre quais dados analisar;
  • Conteúdos sobre como analisar dados de Marketing Digital;
  • Conteúdos sobre relatórios e dashboards de análise.

Confira e aproveite!

O que é a Análise de Marketing Digital?

Análise de Marketing é uma estratégia em que profissionais da área estudam dados e métricas para determinar e otimizar o retorno do investimento em suas atividades de marketing. Além disso, com ela podemos determinar áreas da empresa que precisam de melhoria e promover produtos, marcas ou serviços por meio de mídias digitais.

Fazendo a análise de marketing, é possível contar uma história completa sobre a base de clientes através de dados e considerá-los no contexto de sua marca.

Guia definitivo do Pinterest: domine e impulsione seu marketing!

Guia de conteúdos sobre como fazer Análise e Performance de Marketing Digital

1. Ferramentas indicadas

O universo do Marketing Digital é amplo e, da mesma forma, existem diversas ferramentas disponíveis para ajudar você a analisar sua estratégia.

Algumas ferramentas, como o RD Station, permitem que você tenha uma visão geral de toda a sua estratégia, com dados claros e detalhados.

Já outras ferramentas, como o Instagram Analytics e o SEMRush, vão ajudar você a analisar alguns aspectos mais específicos do seu Marketing Digital, como números de redes sociais e performance no Google.

👉 Confira os conteúdos abaixo para descobrir as ferramentas de análise de marketing digital mais indicadas para as suas estratégias:

💡 Quer um exemplo real de como são os dados e relatórios apresentados por ferramentas de análise com o RD Station? Confira este case em que geramos cerca de 600 atendimentos por mês para uma clínica de oftalmologia!

2. Dados a analisar

É importante saber exatamente quais dados você deve analisar no seu Marketing Digital para que não acabe estudando números que não agregam valor e não são úteis para medir o sucesso da sua estratégia.

Nas redes sociais, por exemplo, não analise apenas métricas de vaidade (como likes e curtidas nas redes sociais). Acompanhe métricas reais, que realmente indicam sucesso, como taxas de engajamento, compartilhamento, conversão, entre outras.

👉 Os conteúdos abaixo indicam quais dados você precisa analisar no seu Marketing Digital:

💡 E-Book Gratuito: 5 FATORES QUE IMPEDEM SUA EMPRESA DE CRESCER

3. Como analisar dados de marketing?

De que adianta ter dados e números valiosos do seu Marketing Digital à sua disposição, se você não consegue analisar corretamente e tirar bons insights desse tipo de informação, para usar de forma útil e lucrativa?

Analisar dados não é uma tarefa simples. Não é só olhar números. 

Envolve também organização e conhecimento de como olhar para certas métricas. No entanto, com os conteúdos abaixo você vai ver que isso não é um bicho de sete cabeças.

👉 Os conteúdos abaixo vão ajudar você a analisar dados da melhor forma:

👉 O que acha de ter acesso a informações que farão toda diferença no seu Marketing Médico? Então baixe gratuitamente nossa Revista Transformação Digital na Saúde, clicando neste link ou na imagem abaixo.

4. Relatórios e dashboards de análise

Construir bons relatórios e ter acesso a dashboards de Marketing Digital são ações essenciais para que se tenha um bom entendimento visual dos resultados da sua estratégia.

Esse entendimento proporciona uma boa visão geral dos seus dados, o que deixa ainda mais claro para você, que analisa, quais os erros, acertos e o que deve ser ajustado para que tenha mais sucesso.

Além disso, relatórios e dashboards ainda são ótimos recursos para extrair gráficos e apresentar resultados de Marketing Digital de uma forma mais clara e fácil de entender.

👉 Os conteúdos abaixo vão ajudar você a construir bons relatórios e dashboards para o seu Marketing Digital:

Esperamos que todos os conteúdos sejam úteis para ajudar você a fazer uma melhor análise do seu Marketing Digital e ajustar suas estratégias em direção ao que realmente fará a diferença nos seus resultados!

👉 Agora, independente do seu nível de conhecimento em Marketing Digital, contar com uma ajuda profissional pode facilitar o seu trabalho, diminuir dores de cabeça e ter maior garantia de resultados!

Você não precisa fazer tudo por conta própria, ficar quebrando a cabeça ou desperdiçando seu orçamento em ações sem resultado. Nós, da Eixo Digital, estamos prontos para te ajudar!

Em mais de 7 anos de experiência, já ajudamos diversas empresas e negócios a atraírem mais clientes pela internet. Confira aqui alguns dos nossos resultados!

O que acha de conversarmos sobre como podemos potencializar seus resultados também? Clique no botão abaixo.

QUERO FALAR COM UM ESPECIALISTA DA EIXO

Venda mais online: um guia de conteúdos online para te ajudar a vender mais!

Como vender mais online é uma questão frequente na rotina de qualquer empresário(a) ou gerente comercial.

“O que fazer para atrair cada vez mais clientes e fechar contratos? Como guiar a minha equipe de vendas para ser mais efetiva e entregar melhores resultados?”

Aposto que essas são algumas das perguntas que trouxeram você até este artigo, certo?

Se sim, é totalmente compreensível. Afinal, o crescimento de um negócio está totalmente ligado à sua capacidade de continuar vendendo para os atuais clientes e ampliar sua base compradora; e isso vale para produtos e serviços.

Porém, nem sempre essa é uma tarefa simples!

Envolve definir modelos, estratégias e metodologias de vendas, treinar e capacitar times, saber utilizar bem a internet para atrair clientes, ter um bom alinhamento com o time de marketing, analisar resultados e fazer adaptações, entre outros pontos importantes.

Para te ajudar nessa tarefa, preparamos este guia completo de conteúdos variados sobre vendas (com artigos de blog, vídeos e e-books), direcionamentos profissionais e especializados sobre o que você pode fazer para vender mais.

Está dividido da seguinte forma:

  • Conteúdos sobre treinamento e metodologias de venda;
  • Conteúdos sobre vendas pela internet;
  • Conteúdos sobre alinhamento entre marketing e vendas;
  • Conteúdos sobre análise de resultados de vendas.

Confira e aproveite!

Como faço para vender mais na internet? Guia de conteúdos sobre vendas

1. Treinamento e metodologias de venda

Qual modelo de vendas online você utiliza hoje na sua empresa? Inside Sales, Inbound Sales ou outro?

Se ainda não está familiarizado com esses conceitos, o Inside Sales é um modelo indicado, principalmente, para cortar gastos e personalizar as vendas para o consumidor.

Já o Inbound Sales ajuda a resolver os problemas e as objeções levantados pelo consumidor no momento da compra.

E, então, é possível combinar esses dois modelos?

Além disso, quais outras metodologias, técnicas ou conceitos você pode aplicar para vender mais?

👉Recomendamos os conteúdos abaixo para encontrar o que melhor se aplica para o seu negócio:

2. Qual a melhor forma de começar a vender pela internet?

Hoje, mais e mais negócios têm optado por vender usando a internet. Inclusive negócios do mesmo segmento que o seu, que vendem o mesmo produto ou serviço.

A concorrência digital nunca esteve tão grande!

Nesse cenário, como se destacar? Como utilizar a internet para vender mais de forma efetiva?

Uma estratégia de vendas pela internet envolve diversos aspectos, desde a própria presença digital do negócio, como site, redes e mídias sociais, anúncios online, produção de conteúdo, entre outros, até a produção de conteúdos.

Pode parecer complexo, mas com as informações corretas e um passo a passo de como fazer, não é esse bicho de sete cabeças.

👉Os conteúdos abaixo vão ajudar você a vender mais pela internet:

💡 E-Books Gratuitos: GUIA PRÁTICO INSTAGRAM PARA NEGÓCIOS e GUIA PARA ALCANÇAR O TOPO DO GOOGLE.

🚨Quer exemplos reais do poder da internet para aumentar vendas? Então confira estes cases de clientes aqui da Eixo Digital:

3. Alinhamento entre marketing e vendas

Antigamente, era muito comum encontrar nas empresas uma divisão clara entre as equipes de marketing e vendas. 

Cada uma com suas funções separadas, sem integração nem interação entre os times. Cada um executava o que precisava fazer e pronto.

Porém, isso mudou. Afinal, a falta de integração entre as estratégias e resultados dos times de marketing e vendas acabavam influenciando no alcance dos objetivos dos negócios.

Por isso, hoje, é essencial que as equipes trabalhem juntas para alcançar resultados ainda melhores, satisfatórios e eficazes.

👉Indicamos os conteúdos abaixo para promover um melhor alinhamento entre os seus times de marketing e vendas:

💡 E-Book Gratuito: QUAL O X DA QUESTÃO DO SEU NEGÓCIO?

🚨Quer exemplos reais de como um bom alinhamento entre as estratégias de marketing e vendas traz resultados incríveis? Confira este case:

Geramos cerca de 600 atendimentos por mês para uma clínica de oftalmologia

4. Análise de resultados de vendas

O sucesso de uma estratégia de vendas está diretamente relacionado à forma como uma empresa acompanha e otimiza os próprios resultados!

Então, como você mensura os seus resultados de vendas hoje? As suas ações realmente estão culminando para o que você deseja e estabeleceu como objetivo? O que tem dado um resultado melhor? O que precisa ser ajustado?

Essas são algumas das questões que você precisa se perguntar hoje sobre seus resultados em vendas.

Nesse sentido, é essencial estabelecer bons indicadores de performance (KPIs) para acompanhar, além de saber como analisar dados e tirar bons insights para melhorar a conversão das suas estratégias em vendas.

👉Os conteúdos abaixo vão ajudar você a analisar melhor os resultados das suas vendas e otimizar suas estratégias:

💡E-book gratuito: 5 FATORES QUE IMPEDEM SUA EMPRESA DE CRESCER

5. Dicas para vender mais online

  • Tenha um site 100% funcional;
  • Seja verdadeiro quanto ao seu produto ou marca;
  • Ofereça multicanais ao cliente;
  • Invista em Mídias Pagas;
  • Invista em SEO (Search Engine Optimization);
  • Tenha uma equipe específica para monitorar as vendas online;
  • Adapte o processo de compra offline ao online;
  • Tenha uma estratégia pós-venda;
  • Organize seu banco de contatos de e-mail.

Esperamos que todos esses conteúdos ricos sejam úteis para ajudar você a otimizar suas estratégias de venda e mudar os rumos do seu negócio.

👉 Agora, independente do seu nível de conhecimento em vendas, contar com uma ajuda profissional pode facilitar – e muito – o seu trabalho, diminuir dores de cabeça e ter maior garantia de resultados!

Você não precisa fazer tudo por conta própria, ficar quebrando a cabeça ou desperdiçando seu orçamento em ações sem resultado. Nós, da Eixo Digital, estamos prontos para te ajudar!

Em mais de 7 anos de experiência, já ajudamos diversas empresas e negócios a atraírem mais clientes pela internet. Confira aqui alguns dos nossos resultados!

O que acha de conversarmos sobre como podemos potencializar seus resultados também? Clique no botão abaixo.

QUERO FALAR COM UM ESPECIALISTA DA EIXO

Conteúdos Para Redes Sociais: Guia Para Criar Posts e Estratégia

Conteúdos das redes sociais são um poderoso recurso para potencializar as vendas. É Muito mais que apenas mostrar as marcas das empresas e conseguir alguns likes,

Quando utilizado de forma estratégica, um perfil no Instagram, Facebook, Twitter ou LinkedIn é capaz de gerar autoridade, visibilidade e proximidade para uma empresa, com enorme potencial de captação de novos clientes.

Porém, se alcançar esses resultados fosse tão fácil assim, toda empresa com um perfil numa rede estaria tendo um crescimento exponencial, mas não é bem assim. Por isso, é essencial planejar e executar uma boa estratégia, que deve ser adequada a cada canal digital.

Pensando nisso, preparamos este guia completo de conteúdos para as redes sociais (com artigos de blog, vídeos e e-books), para que você tenha uma visão completa do que fazer para atingir bons resultados.

Este artigo trará informações e dicas sobre:

  • Produção de conteúdo.
  • Estratégias.
  • Impulsionamento de posts.
  • Planejamento.
  • Análise de resultados.
  • Ferramentas.
  • Redes sociais na área da saúde.

Confira e aproveite!

Guia de conteúdos sobre Redes Sociais

No vídeo abaixo, Rapha Caitano, CEO da Eixo Digital, ensina como criar pautas de conteúdo para suas redes sociais (Instagram, Facebook e Tik Tok) que geram resultados todos os dias, ou seja, pacientes, seguidores e engajamentos.

1. Como definir conteúdo para redes sociais

A base de uma estratégia sólida para toda empresa no digital é a produção de conteúdos e qualidade. Gostar dos seus conteúdos é o primeiro passo para os usuários passarem a gostar dos seus produtos e serviços.

Porém, esse é um dos maiores desafios das empresas. Afinal, como ter ideias criativas de conteúdo e sobre o que postar? Quais técnicas utilizar? Qual tipo de post dá mais engajamento? E o formato do conteúdo? Post, carrossel, vídeo, stories? Como utilizar? Como criar conteúdos originais e de qualidade?

👉 Essas são algumas das principais questões que surgem quando se trata de produção de conteúdo para redes sociais. Os conteúdos abaixo vão te dar um bom direcionamento de como encontrar as respostas que você procura e talvez nunca tenha encontrado de forma tão simples e clara:

2. Estratégias diversas para redes sociais

Como você pode utilizar cada rede social da sua empresa para ter os melhores resultados possíveis? Quais ações geram mais retorno?

O que funciona bem no Instagram? E no Facebook, WhatsApp, LinkedIn? Como usar cada uma da melhor forma?

👉 Esses são alguns pensamentos estratégicos que irão levar os seus perfis ao sucesso! Para aplicar estratégias efetivas nas suas redes, recomendamos os seguintes conteúdos:

💡Confira também estes ebooks gratuitos: GUIA PRÁTICO INSTAGRAM PARA NEGÓCIOS e GUIA COMPLETO SOBRE FACEBOOK PARA EMPRESAS

3. Quais os melhores conteúdos para postar nas redes sociais?

A produção de um bom conteúdo que tenha alto desempenho pode ser desafiadora, demorada e competitiva, uma boa estratégia é a combinação de diferentes tipos de conteúdos na sua estratégia de marketing. Aqui estão alguns deles:

  • Postagens Escritas (Blogs, Artigos, Posts, etc.);
  • E-books;
  • Imagens;
  • Vídeos;
  • Lives;
  • Feedbacks do seu negócio;
  • Anúncios;

>>>>> LinkedIn para empresas como funciona?

4. Como fazer um conteúdo que engaja?

O primeiro passo é conhecer bem o seu cliente (persona), o conteúdo deve conversar bem com ele, além de satisfazer e sanar suas dúvidas e necessidades.

👉 Esses são alguns artigos falando mais sobre persona e como conhecê-la melhor:

Sabendo disso, algumas dicas para conseguir engajar com seu público são:

  • Listas;

Além de ser um conteúdo atrativo e simples de ser consumido, elas engajam muito bem com qualquer tipo de público.

  • Mitos e Curiosidades;

Esse tipo de conteúdo desperta muito interesse no público, além de abrir espaço para debates. Muitos “mitos” de qualquer segmento são, na verdade, objeções e achismos de seus próprios clientes.

  • Perguntas e respostas;

Essa é uma forma simples e eficiente de criar conteúdo a partir das reais necessidades de seu público e se aproximar dele ao mesmo tempo.

  • Tendências;

Falar sobre as tendências de seu mercado chama muita atenção, pois o público tem um certo interesse em saber como será (e como se preparar) para os cenários dos próximos meses ou anos.

  • Polêmicas;

Títulos e textos polêmicos (ou até mesmo sensacionalistas) despertam nossa curiosidade e nos fazem olhar com mais atenção para determinado assunto. Esse tipo de conteúdo é bastante complicado de se criar, pois pede mais cuidado e experiência para não ter o efeito oposto do que se deseja.

  • GIFs e Memes;

Os GIFs e Memes são praticamente uma linguagem universal quando se trata da comunicação na internet. Eles ajudam a trazer leveza e descontração para assuntos sérios e relevantes. Eles também humanizam mais a marca, aproximando ela mais do público e atraindo mais atenção de novas pessoas. Mas é claro, tudo depende do tom da marca e/ou do conteúdo sendo entregue.

  • “Você comete esse erro?”

Esse conteúdo tende a funcionar muito bem pois desperta a curiosidade. Ninguém gosta de estar errado ou de estar usando uma técnica que já não funciona mais. Nesse sentido, chamar a atenção para um possível erro pode fazer com que sua mensagem seja mais notada.

5. Impulsionamento de posts nas redes sociais

Impulsionar os posts das suas redes sociais pode fazer com que a sua marca chegue a mais pessoas mais rapidamente

E o melhor: para as pessoas certas, que têm interesse em algo relacionado ao segmento da sua empresa e possuem mais chances de seguir os perfis e, no futuro, se tornarem clientes.

Essa estratégia envolve questões como orçamento, segmentação de público, regras de cada rede social para anúncios, entre outros detalhes.

👉Para impulsionar posts nas suas redes sociais da maneira correta, estes conteúdos vão te ajudar:

💡Confira este outro ebook gratuito: ENTENDA O QUE SUA CAMPANHA NO FACEBOOK ADS PRECISA

6. Planejamento de redes sociais

Saber como fazer e como seguir um bom planejamento para redes sociais é essencial para projetar resultados e garantir que a estratégia tenha consistência para trazer retornos realmente sólidos.

Um planejamento envolve definição de objetivos e metas, cronogramas de ações, prazos, estudos e pesquisas, estratégias a serem utilizadas, métricas e indicadores de sucesso, entre outras questões.

👉Os conteúdos abaixo contêm o que você precisa para construir um bom planejamento para redes sociais:

7. Análise de resultados de redes sociais

Saber analisar os resultados das suas redes é o que irá te trazer respostas e ideias para ter sucesso (como saber qual o formato e qual conteúdo que o público responde melhor, horários e dias de postagem que trazem mais retorno, entre outras sacadas).

Com dados como esses, é possível ajustar a estratégia e ter mais clareza quanto ao que você deve fazer na prática para alcançar os resultados que deseja.

👉 Para saber como analisar bem os resultados dos seus perfis e melhorar as suas estratégias para ter resultados mais satisfatórios, confira os seguintes conteúdos:

8. Ferramentas para gestão de redes sociais

Fazer tudo “na mão” pode ser uma tarefa desgastante e, em muitos casos, até improdutiva. Nesse sentido, algumas ferramentas podem facilitar o seu trabalho nas redes sociais!

Existem aplicações online para programar e publicar posts, acompanhar o calendário de postagens, fazer a análise dos resultados e gerar relatórios, ter ideias de conteúdo, fazer as artes, além de gerenciar equipes!

👉 Confira os conteúdos abaixo para conhecer as ferramentas de redes sociais que irão fazer a diferença no dia a dia do seu trabalho

9. Redes sociais na área da saúde

A Eixo Digital é especialista no segmento de saúde! Por isso, buscamos sempre compartilhar os principais insights e aprendizados sobre redes sociais para esse segmento, que fomos acumulando ao longo dos anos.

Devido às regras de publicidade médica do CFM (Conselho Federal de Medicina), e também ao próprio comportamento dos pacientes, que é diferente de um consumidor comum, o ramo da saúde demanda estratégias e técnicas específicas para alcançar resultados efetivos por meio das redes sociais.

👉 Aqui estão os conteúdos de redes sociais específicos para empresas da saúde:

Quer potencializar de verdade o conteúdo do seu Marketing Médico, gerando mais conexão e engajamento com seu público? Então baixe nossa Revista Transformação Digital na Saúde, que é gratuita e você acessa neste link ou clicando na imagem abaixo:

Esperamos que todos os conteúdos sejam úteis para ajudar você a melhorar as redes sociais da sua empresa e conseguir realmente gerar autoridade, visibilidade, proximidade e atração de novos clientes!

👉 Agora, independentemente do seu nível de conhecimento em redes sociais, contar com uma ajuda profissional pode facilitar o seu trabalho, diminuir dores de cabeça e ter maior garantia de resultados!

Você não precisa fazer tudo por conta própria, ficar quebrando a cabeça ou desperdiçando seu orçamento em ações sem resultado. Nós, da Eixo Digital, estamos prontos para te ajudar!

Em mais de 7 anos de experiência, já ajudamos diversas empresas e negócios a atraírem mais clientes com as suas redes sociais. Confira aqui alguns dos resultados que geramos.

O que acha de conversarmos sobre como podemos potencializar seus resultados também? Clique no botão abaixo e fale com um de nossos especialistas.

QUERO FALAR COM UM ESPECIALISTA DA EIXO

Marketing de Conteúdo: compilado de ideias para montar sua estratégia!

O Marketing de Conteúdo é uma das principais estratégias digitais para atrair clientes de forma orgânica e gerar conexão com marcas e profissionais.

Isso porque o principal objetivo dessa abordagem é levar informações úteis para o público-alvo, que ajude a esclarecer dúvidas ou solucionar problemas.

Ao ajudar as pessoas na prática, com conteúdos de qualidade, o produtor do conteúdo passa gradualmente a ser visto como referência naquele assunto e como autoridade em seu segmento, tornando-se a opção mais facilmente lembrada pelos consumidores numa eventual decisão de compra.

Se você entende que essa estratégia pode (e com certeza vai) ajudar seu negócio a se destacar em seu segmento, confira este guia completo que preparamos sobre sobre Marketing de Conteúdo!

Ele está dividido da seguinte forma:

  • Conteúdos para quem está começando do zero;
  • Conteúdos para quem já possui um blog;
  • Conteúdos para quem faz ou deseja começar a fazer Inbound Marketing.

Aproveite ao máximo!

Conteúdos sobre Marketing de Conteúdo

1. Começando do zero

Se você está iniciando nesse assunto, é essencial que entenda algumas premissas e estratégias básicas sobre Marketing de Conteúdo, como os conceitos de conteúdos de topo, meio e fundo de funil.

O funil ao qual nos referimos é o funil de vendas do marketing

Esse conceito define que nem sempre aquela pessoa impactada pelo seu conteúdo estará pronta ou desejando adquirir um produto ou serviço da sua empresa naquele momento. 

Existe uma jornada pelo qual o consumidor irá passar, desde o primeiro contato com a marca até a aquisição do produto ou serviço. E os conteúdos que você produzir devem estar adaptados para cada momento dessa jornada (topo, meio e fundo de funil).

Além disso, é importante que você saiba que existem diversos canais onde você pode produzir conteúdo para a sua empresa: blog, redes sociais, e-mail marketing, YouTube, entre outros.

É necessário analisar os canais que fazem sentido para utilizar com o seu público-alvo e, claro, adaptar cada conteúdo para cada canal.

👉 Dito isso, os conteúdos abaixo vão ajudar você a iniciar da melhor forma com o seu Marketing de Conteúdo:

2. Para quem tem Blog, mas não tem bons resultados

Um Blog bem estruturado e que contenha as estratégias certas de Marketing de Conteúdo é capaz de trazer muitos benefícios, como:

  • Atrair visitantes em uma grande escala para o seu site;
  • Melhorar a percepção da marca pelo público-alvo;
  • Atrair clientes mais qualificados, que têm certeza do que querem, facilitando o trabalho do time comercial;
  • Tornar sua marca uma autoridade e referência em seu segmento.

Se você ainda não está conseguindo perceber esses benefícios com o seu Blog, é provável que haja questões a melhorar, dados que talvez você não esteja analisando ou falhas no seu SEO.

👉 Nesse sentido, estes conteúdos vão ajudar você a descobrir porque seu Blog não está trazendo resultados e o que você deve fazer para melhorar:

Quer ter acesso, de forma totalmente gratuita, a um ebook que ensina o passo a passo para otimizar seu site com técnicas de SEO? Então baixe agora mesmo, neste link ou na imagem abaixo:

💡 Quer ver na prática o poder do Marketing de Conteúdo para melhorar o desempenho de sites e blogs? Então confira como geramos um tráfego de 17 mil visitas para um Blog

Ah, nos vídeos abaixo, o CEO da Eixo Digital, Rapha Caitano, te mostra como gerar mais tráfego para seu site e como identificar e corrigir falhas de SEO que prejudicam seu site:

3. Para quem faz ou quer começar no Inbound Marketing

O Inbound Marketing é uma estratégia que envolve o Marketing de Conteúdo e seu foco é atrair clientes e potenciais clientes no momento certo, sem precisar realizar ações invasivas ou oferecer o produto ou serviço quando o público-alvo não tem interesse nele (como é comum no marketing tradicional).

Isso porque o Inbound Marketing se baseia no funil de vendas, e utiliza a produção de conteúdos úteis e de valor para atrair pessoas que ainda não estão prontas para a compra e guiá-las até o momento em que estão preparadas para tomar uma ação (de compra, de orçamento, de agendamento, entre outras).

Dessa forma, trata-se de uma estratégia que envolve canais diferentes (e-mail marketing, redes sociais, site, mídia paga, além de variados tipos de conteúdos e estratégias (iscas digitais, e-books, fluxos de automação e nutrição, newsletters e várias outras).

Então, se você já aplica o Inbound Marketing na sua empresa, é importante saber analisar bem seus resultados e otimizar as estratégias que já aplica.

👉 Nesse sentido, estes conteúdos vão te ajudar:

Neste ebook completo e gratuito você tem acesso a um planejamento anual de Inbound para sua estratégia digital. Baixe neste link ou clicando na imagem:

Será que seu Inbound realmente gera resultados? Neste outro vídeo, o Rapha te mostra como avaliar:

Agora, se você ainda não faz Inbound Marketing, é essencial saber como colocar essa estratégia em prática com o pé direito, para que já inicie com boas perspectivas de resultados.

👉 Para isso, estes outros conteúdos trarão todas as informações que você precisa:

Confira estes outros vídeos em que o Rapha traz mais dicas sobre Inbound:


Esperamos (e acreditamos) que todos esses conteúdos sejam úteis para ajudar você a colocar o seu Marketing de Conteúdo em prática de forma a atrair resultados realmente satisfatórios!

👉 Agora, independente do seu nível de conhecimento no Marketing de Conteúdo, contar com uma ajuda profissional pode facilitar o seu trabalho, diminuir dores de cabeça e trazer mais resultados!

Você não precisa fazer tudo por conta própria, ficar quebrando a cabeça ou desperdiçando seu orçamento em ações sem resultado. Nós, da Eixo Digital, estamos prontos para te ajudar!

Com nossos mais de 7 anos de experiência em Marketing Digital, podemos ser o parceiro que você precisa para mudar seu negócio de nível. 

Clique no botão abaixo para falar com um de nossos especialistas e conversarmos sobre como podemos te ajudar.

QUERO FALAR COM UM ESPECIALISTA DA EIXO

Se você é da área da saúde, siga também nosso perfil no Instagram @eixodigitalnasaude, que é 100% dedicado ao Marketing Médico.