Dicas de conteúdo essenciais para um e-mail marketing

Marketing de Conteúdo - Daniel Dias - 22/11/2018

O e-mail marketing é um dos melhores recursos para utilizar em uma estratégia de marketing digital. Só o e-mail consegue gerar 40 vezes mais engajamento que um simples post nas redes sociais. Legal, não é?

Mas como engajar o público-alvo por meio desse recurso? Uma das melhores formas é investir no conteúdo do seu e-mail marketing.

Para te ajudar nessa tarefa, separamos neste artigo dicas essenciais para o conteúdo do seu e-mail marketing. Assim que terminar a leitura, você estará pronto para engajar ainda mais leads com a sua campanha de e-mail. Vamos nessa?

Como construir um bom conteúdo para e-mail marketing?

A essência do marketing digital, em especial o inbound marketing, é oferecer conteúdo de valor, relevante e de interesse para o usuário. A partir disso, fica muito mais fácil construir uma relação de confiança com o público e fazer com que, em algum momento, ele compre um produto ou serviço da marca.

Já que o e-mail marketing é uma das melhores estratégias para construir um relacionamento com o público e aumentar as vendas, você deve ter muita atenção ao seu conteúdo.

Vamos às dicas? Caneta e papel na mão!

Defina um objetivo claro

Antes de começar a desenvolver o seu e-mail marketing é extremamente importante que você defina um objetivo claro e principal que deseja atingir.

O que você quer fazer com o seu e-mail marketing? Divulgar uma promoção especial? Vender mais? Ou aumentar a confiança e credibilidade da marca na mente do consumidor?

Seja qual for o seu objetivo, ter ele claro vai te dar um direcionamento bem melhor para o conteúdo, não tenha dúvidas disso.

Uma boa forma de definir o objetivo é pensá-lo de acordo com a etapa da jornada de compra na qual o seu lead está.

Escolha o tipo de conteúdo

Agora que já tem um objetivo claro, escolha muito bem o tipo de conteúdo que irá entregar no seu e-mail marketing. Definir isso é muito importante para que atinja os resultados esperados.

Se o seu objetivo é vender mais, por exemplo, o tipo de conteúdo ideal para alcançá-lo é fazer um e-mail marketing promocional. Nesse tipo de conteúdo, você pode divulgar descontos ou cupons especiais para que o seu público finalize uma compra com o seu negócio.

Mas atenção: nem todo mundo está pronto para comprar a qualquer momento. Por isso, tenha plena consciência do funil de vendas da sua empresa e evite enviar esse tipo de conteúdo para quem não está disposto a comprar.

É interessante que você mescle a sua sequência de e-mails para torná-los mais variados e atrativos para o público. Você pode, então, em meio aos conteúdos promocionais, aproveitar um conteúdo de blog, um material exclusivo ou um conteúdo misto.

Focar apenas em conteúdo promocional pode tornar a sua estratégia chata e cansativa para o leitor. Lembre que você deve entregar conteúdo de valor e relevante, que ajude o público a resolver algum dos seus problemas. E, claro, construindo um relacionamento com seus potenciais clientes, suas chances de vender para ele aumentarão consideravelmente.

Seja próximo do seu público

Essa é a hora que você deve mais pensar no seu público-alvo.

Estude o seu comportamento, a sua linguagem e aquilo que ele gosta, para que você possa construir um e-mail marketing que seja direcionado especialmente para ele.

Com essas informações em mãos, você deve desenvolver o seu conteúdo de forma mais pessoal, humana e próxima do leitor. Uma boa prática para isso, a depender do seu público e estilo do seu negócio, é utilizar emojis no decorrer do texto, por exemplo, já que é um recurso muito presente no dia a dia da maioria das pessoas.

O principal é que a sua empresa construa uma forma de linguagem única e que converse com a sua persona. Tudo isso irá facilitar a compreensão sobre o tema do e-mail e, com certeza, vai aumentar a efetividade da sua estratégia.

Atente-se para a qualidade do conteúdo

Outro detalhe essencial é a qualidade do seu e-mail marketing. Seja muito estratégico ao pensar e construir o seu conteúdo.

Sempre busque ser objetivo e direto no texto, sem enrolar muito ou “encher linguiça”. Construa as suas frases de acordo com o que deseja passar e atingir, sempre repensando se está, de fato, entregando um material relevante para o seu público.

Estar atento para possíveis erros gramaticais e de concordância também é uma ótima prática, pois um texto bem escrito nesses aspectos facilita a leitura, além de garantir a credibilidade da sua marca. Uma boa dica é sempre pedir para outra pessoa revisar o seu conteúdo, pois é comum existirem pequenos erros que deixamos passar.

Além disso, questões como o tamanho do conteúdo são variáveis e dependerão, principalmente, do seu público-alvo. Por isso, tenha certeza de que sabe com quem está falando e das suas preferências: se têm um hábito de leitura maior e se costumam consumir conteúdos mais extensos ou não, por exemplo.

Utilize recursos de imagens e vídeos

Você sabia que 65% dos usuários de e-mails preferem conteúdos que tenham imagem? Não podemos ignorar esse dado, certo?

É muito importante incluir imagens ou gifs no conteúdo do seu e-mail marketing pois eles vão deixá-lo bem mais atraente para o leitor, além de ilustrar melhor o conteúdo, o que melhora a experiência do usuário.

Mas não esqueça de investir em imagens com alta qualidade, certo? Alguns bancos de imagens online gratuitos, como o Pexels e o Unsplash, reúnem ótimos materiais relacionados aos mais diversos temas. Aproveite!

Além disso, outro recurso que vai colaborar ainda mais para a efetividade do seu e-mail e dinâmica do seu conteúdo é a inclusão de vídeos. Para se ter uma ideia, ter um vídeo nessa estratégia pode fazer com que a taxa de conversão aumente em até 96%, o que mostra que vale a pena usar vídeo em e-mail marketing.

Inclua um CTA

Todo e-mail marketing deve ter um CTA (Call To Action ou “Chamado à Ação”). Como o próprio nome sugere, por meio de uma frase simples você deve levar o leitor a fazer alguma ação a partir daquele material.

Essa frase pode estimulá-lo, por exemplo, a finalizar uma compra, ler mais sobre o assunto em um artigo do seu blog, baixar um ebook, assistir a um vídeo no seu canal do Youtube, entre outras infinitas possibilidades.

Incluir um CTA no conteúdo do seu e-mail é de extrema importância pois é uma forma de avaliar não só se o e-mail foi aberto, mas se o leitor engajou de fato com o seu conteúdo.

Pense comigo: muitas pessoas abrem e-mails automaticamente, simplesmente para deixar a caixa de entrada limpa. Considerar só a taxa de abertura dos seus e-mails marketing pode não ser o suficiente para saber se ele realmente leu o seu conteúdo, certo? Já com a taxa de cliques no CTA, mensurar isso fica muito mais fácil.

Uma dica de frase simples e efetiva que você pode incluir no conteúdo do seu e-mail é o “clique aqui”, pois é o CTA que possui a maior taxa de cliques, de acordo com uma pesquisa da  HubSpot.

Ferramentas para analisar o seu conteúdo

Agora vamos a um ótimo macete pra quem quer produzir conteúdos para e-mails marketing. Existem ferramentas que conseguem ler o seu conteúdo e apontar o que você pode melhorar nele!

Alguns recursos online irão te ajudar a verificar as principais regras de um bom e-mail marketing, como a GlockApps e a MailTester.

Agora que você já anotou essas dicas essenciais, é só começar a desenvolver o conteúdo do seu e-mail e se preparar para colher os resultados. Mãos na massa!

Lembre-se do básico!

Essas foram algumas dicas específicas para o conteúdo do seu e-mail marketing. Mas existem algumas dicas gerais e básicas que são extremamente importantes para que construa um bom e-mail marketing.

Lembre-se sempre de:

  • estabelecer uma boa frequência de envio dos e-mails, de acordo com o comportamento do seu público;
  • buscar desenvolver um mailing único com a sua própria rede de contatos;
  • personalizar o remetente e a assinatura com uma pessoa da empresa, sem utilizar endereços impessoais como “[email protected]” ou “[email protected]”;
  • desenvolver um bom design com um layout atrativo.

E nunca se esqueça: crie um assunto chamativo. É o assunto do seu e-mail que fará com que sua base de leads abra ou não aquele e-mail. Uma vez que a taxa de abertura seja baixa, ou a sua base está completamente desinteressada na sua marca ou o seu assunto não está legal. Quanto a isso, também importantíssimo: depois de divulgar o e-mail, acompanhe o resultado. Só assim poderá melhorar a sua estratégia em cada campanha!

Ficou em dúvida em algum desses tópicos? Não tem problema! Neste outro artigo você pode conferir Como obter resultados com e-mail marketing, com cada tópico acima explicado detalhadamente. Boa leitura!

Ebook Guia Prático Inbound marketing – Agência Eixo.Digital especializada em Inbound Marketing em Brasília

Comentários