E agora: como fazer uma newsletter? Entenda

Inbound Marketing - Raphael Caitano - 29/09/2017

Diferente do que grande parte das pessoas imagina, o uso da newsletter está firme e forte. É uma maneira mais direta de comunicação e é muito mais assertiva do que outras técnicas similares.

Quando uma empresa decide que é a hora de criação de newsletter, ela já sabe que quer se tornar mais próxima do seu público.

Se você chegou até aqui, provavelmente já conhece o valor do e-mail e deseja ampliar ainda mais seus conhecimentos e/ou conhecer os benefícios que ele pode proporcionar ao seu negócio. Para isso, prossiga com a leitura deste conteúdo.

Vamos lá?

Entenda a importância da newsletter

Se você ainda tem dúvidas sobre os motivos de criar uma newsletter para sua empresa, este é o momento de cessá-las.

Quando uma organização se propõe a oferecer este tipo de serviço aos usuários, está garantindo uma proximidade e intimidade maior com os clientes, aumentando a chance de engajamento e também de fidelização uma vez que a pessoa passa a se sentir importante para a empresa.

Além do mais, um endereço de e-mail não desaparece e possibilita que a empresa entre em contato sempre que desejar, o que garante uma interação ainda maior.

E então, o que é necessário para criar uma boa newsletter?

O passo primordial para garantir uma newsletter efetiva é segmentar a lista de e-mails. Isso facilita que o usuário receba o e-mail certo para ele no melhor momento. Além disso, é fundamental pensar como o usuário: porque ele deveria se cadastrar para receber os emails da minha empresa? Isso facilita a elaboração!

Enviar conteúdo relevante

As pessoas não estão dispostas a receber qualquer tipo de conteúdo no e-mail. O e-mail deve servir para uma comunicação direta e relevante para o usuário. Por isso, envie uma newsletter como uma conversa e nunca com conteúdo demais, para evitar o desinteresse.

Aposte em um bom layout

O layout é algo que não pode, e nem deve, ser deixado de lado. As complexidades na elaboração aumentam visivelmente as chances de problemas e isso não é bem visto por quem recebe a newsletter.

Sendo assim, usar um layout simples, mas atrativo, é sempre a melhor opção.

Teste muito

As pessoas dizem e é verdade: aquilo que é bem feito não precisa retrabalho. Por isso, para facilitar o serviço e evitar problemas maiores com o lead, é indispensável realizar bons testes.

É possível enviar a mensagem para amigos, para sites específicos e até mesmo entre os membros da equipe, facilitando assim os resultados positivos.

E o que é importante levar em consideração?

Quando a newsletter é feita por uma agência de Inbound, um sistema de automação é usado e facilita grande parte do trabalho. De maneira manual, pode ser um pouco mais difícil.

Mas em ambos os casos é importante:

  • Medir os resultados. Após o envio de cada newsletter, medir os resultados é essencial. Isso facilita a melhoria e o alcance nos próximos envios;
  • Tomar cuidado com o uso de imagens. Condensar o e-mail a uma imagem não é positivo. Por isso, pesquise bem antes de inserir imagem no corpo da newsletter;
  • Escolha bem tanto o assunto da mensagem quanto o remetente. É um fator que pode interferir na credibilidade e nos cliques;
  • Deixe o conteúdo escaneável. Organize de maneira onde os pontos principais estão em destaque. Facilita a visualização e a leitura.

Se o conteúdo foi útil, compartilhe nas suas redes sociais e informe amigos e familiares. Converse com nossos especialistas e saiba o que podemos fazer por sua empresa!

Comentários