Como Falar de Preço com o Paciente?

Por: Raphael Caitano

Como falar de preço com o paciente

Saber como falar o preço para o paciente é um desafio enfrentado por muitos profissionais de saúde. Muitas vezes, o paciente desiste de agendar uma consulta ao ouvir o valor, o que pode ser frustrante. 

No conteúdo, são oferecidos insights valiosos e estratégias práticas para transformar essa situação, garantindo uma comunicação eficaz sobre preços e aumentando os agendamentos na sua clínica. Vamos explorar essas ideias e descobrir como aprimorar essa abordagem.

Entendendo o Comportamento dos Pacientes

Quando um paciente pergunta o preço antes de agendar uma consulta, isso geralmente está ligado a uma necessidade ou dor específica que ele busca resolver. 

Para simplificar o entendimento dessa situação, temos uma história que exemplifica como a escolha do produto depende de suas necessidades específicas e não apenas do preço. 

“Um homem busca um capacete para sua moto. Ele visitou várias lojas perguntando o preço do capacete que um amigo recomendou. Nas primeiras lojas, ele apenas recebe o preço sem mais detalhes. 

Porém, na última loja, o vendedor faz perguntas sobre o tipo de moto que ele usa e como ele a utiliza. Descobrindo que o homem usa uma Harley Davidson para passeios de fim de semana, o vendedor sugere um capacete diferente, mais adequado e até mais barato, explicando que o capacete recomendado pelo amigo é para motos esportivas de alta velocidade. 

Assim, o cliente percebeu que o vendedor compreendeu suas necessidades específicas, o que resultou na compra do capacete.”

A história ilustra perfeitamente como deve ser o atendimento ao cliente em uma clínica. Assim como o vendedor que fez perguntas detalhadas para entender as necessidades do cliente, a equipe da clínica deve focar em conhecer bem o paciente, suas dores e expectativas, antes de mencionar o preço.

Estratégias para Melhorar a Conversa Sobre Preço

Mapear as Necessidades dos Pacientes

Antes de mencionar o preço, é crucial entender a dor e a necessidade do paciente. Isso pode ser feito com perguntas direcionadas que identifiquem suas expectativas e preocupações. Assim como o vendedor de capacetes que perguntou sobre o tipo de moto e o uso pretendido, os profissionais de saúde devem entender o contexto do paciente para oferecer a solução mais adequada.

Perguntas Essenciais:

  • Qual é a principal razão para a consulta?
  • Há quanto tempo você tem esses sintomas?
  • Você já tentou algum tratamento antes?
  • Como esses sintomas afetam sua vida diária?

Essas perguntas ajudam a construir um quadro completo das necessidades do paciente, permitindo que o profissional ofereça uma solução personalizada, que vai além do simples valor monetário.

Saiba como mapear as dores e necessidades dos seus pacientes neste conteúdo. 

Treinamento da Equipe de Atendimento

A equipe de agendamento deve ser treinada para focar em resolver problemas e atender às necessidades dos pacientes, em vez de apenas marcar consultas. Esse treinamento inclui habilidades de comunicação para explorar e compreender as dores dos pacientes e, assim, apresentar o valor dos serviços de maneira eficaz.

Capacitação Contínua:

  • Workshops regulares sobre técnicas de atendimento ao cliente.
  • Simulações de atendimento para praticar respostas a perguntas difíceis.
  • Feedback constante para melhorar as habilidades de comunicação.

A equipe bem treinada se torna uma extensão do cuidado médico, criando uma primeira impressão positiva e acolhedora que pode influenciar a decisão do paciente de agendar a consulta.

Melhore a experiência dos seus pacientes, veja como fazer neste conteúdo: Como treinar o time de recepção da sua clínica!

Diferenciação da Clínica

Tornar-se uma clínica incomparável é essencial para evitar a decisão baseada apenas no preço. Isso pode ser feito oferecendo uma experiência personalizada e destacando os diferenciais do atendimento e dos serviços prestados. 

Quando o valor é percebido pelo paciente, o preço torna-se um fator secundário.

Criando Valor Percebido:

  • Ambiente Acolhedor: Invista em uma recepção confortável e amigável.
  • Tecnologia Avançada: Utilize equipamentos de última geração para diagnósticos precisos.
  • Educação Continuada: Ofereça workshops e materiais educativos para pacientes sobre prevenção e cuidados com a saúde.
  • Feedbacks Positivos: Mostre depoimentos de pacientes satisfeitos para construir confiança.

Veja como ter um atendimento diferenciado na sua clínica e se destacar da concorrência! 

O Impacto das Decisões Emocionais

As decisões dos pacientes são majoritariamente emocionais e não racionais. Ao entender esse aspecto, os profissionais de saúde podem ajustar suas abordagens para melhor atender às expectativas dos pacientes e melhorar as taxas de agendamento.

As decisões relacionadas à saúde são frequentemente influenciadas por fatores emocionais porque envolvem bem-estar pessoal, medos e esperanças. Pacientes procuram confiança, empatia e uma sensação de segurança quando escolhem um profissional ou uma clínica. Eles desejam sentir que estão em boas mãos e que suas preocupações são levadas a sério.

Como Construir Conexão Emocional:

Para construir uma conexão emocional efetiva com o paciente, é essencial demonstrar empatia e compreensão. Isso começa com o genuíno interesse pelas condições do paciente, utilizando a escuta ativa para captar plenamente suas preocupações e necessidades. Validar os sentimentos do paciente é crucial, mostrando que você compreende e se importa com suas dificuldades.

A comunicação clara também desempenha um papel fundamental. Explicar procedimentos e tratamentos de maneira acessível, evitando jargões médicos complexos, ajuda o paciente a se sentir confortável e confiante nas decisões que precisa tomar. É importante fornecer todas as informações necessárias para que ele se sinta seguro em relação ao tratamento proposto.

O apoio e o acompanhamento contínuos são igualmente importantes. Oferecer suporte antes, durante e após o tratamento, disponibilizando-se para responder perguntas e fornecer esclarecimentos adicionais, cria uma sensação de cuidado e confiança. Manter um canal de comunicação aberto garante que o paciente saiba que pode contar com a clínica para orientação e apoio contínuos, fortalecendo assim a relação e aumentando a satisfação e fidelidade.

Exemplos Práticos de Conexão Emocional:

  • Antes da Consulta: Enviar um e-mail de boas-vindas com informações sobre o que esperar na primeira consulta pode ajudar a reduzir a ansiedade do paciente.
  • Durante a Consulta: Garantir que o paciente tenha tempo suficiente para expressar suas preocupações sem sentir-se apressado.
  • Após a Consulta: Um follow-up para verificar como o paciente está se sentindo após o tratamento mostra cuidado e preocupação contínuos.

Conclusão

Para se destacar no mercado competitivo de saúde, é essencial adotar uma abordagem centrada no paciente

Compreender suas dores, treinar a equipe para oferecer soluções e criar uma experiência única são passos fundamentais para garantir que o preço não seja o principal fator decisivo. 

Implementando essas estratégias, sua clínica não será apenas mais uma opção na tabela de preços, mas sim uma escolha valiosa para os pacientes.

Transformar o simples ato de falar sobre preços em uma oportunidade para mostrar o valor do atendimento da sua clínica pode mudar a percepção dos pacientes e aumentar significativamente o número de agendamentos. Focando na experiência do paciente e na qualidade do atendimento, você se destaca no mercado e constrói relações duradouras e lucrativas com seus pacientes.

Para ajudar ainda mais sua clínica a alcançar esse objetivo, oferecemos um material gratuito: o Manual de Boas Práticas para Agendamento de Consultas. 
As faltas de pacientes em consultas médicas prejudicam a qualidade do atendimento e elevam os custos da clínica. Descubra como evitar esse problema com nosso manual completo. Baixe agora e aprenda estratégias eficazes para melhorar o agendamento e fidelizar seus pacientes.

Conteúdos para complementar sua pesquisa:

manual de agendamento

Posts Recentes

Vídeos