Inbound marketing: quais profissionais contratar?

Inbound Marketing - eixozero

O marketing digital é hoje uma arma indispensável para todo negócio que queira alcançar novos patamares de lucratividade, crescimento e presença na vida dos seus clientes. E o motivo é simples: é no mundo digital onde as pessoas (clientes) estão.

E, dentro do marketing digital, a melhor estratégia para gerar oportunidades de negócio para empresas de todos os segmentos é, sem dúvida, o inbound marketing.

Ter um time de inbound trabalhando a favor de um negócio é um diferencial competitivo que pode deixar uma empresa a anos-luz de distância de seus concorrentes. Porém, a montagem desse time é uma tarefa tão complexa quanto necessária.

A escolha desses profissionais vai depender de uma série de fatores, como:

  • Quais as principais necessidades do negócio.
  • Quais áreas do marketing devem estar representadas.
  • Quais profissionais contratar.
  • Quais atividades podem ser terceirizadas e quais serão feitas internamente.

Neste artigo, você terá as respostas a essas e outras dúvidas e terá uma boa bússola para montar o seu time de inbound marketing.

O que é inbound marketing?

Como dito no início, o inbound marketing é a metodologia mais eficiente, no longo prazo, para gerar oportunidades de negócio de forma consistente e com menores custos.

Sua ação se baseia na atração do público-alvo, por meio da produção de conteúdos de qualidade, que:

  • Resolvam dúvidas.
  • Tragam informações úteis.
  • Divulguem e ensinem como usar determinado produto.
  • Dê visibilidade à marca.
  • Gerem interesse nas pessoas.

Ao contrário do marketing tradicional, que invade as telas de computadores e celulares das pessoas, enquanto elas estão tentando se divertir, no inbound o objetivo é fazer com que as pessoas encontrem conteúdos que elas estão buscando e, por meio disso, colocá-las em contato com a marca, criando um relacionamento que leve a oportunidades de negócio.

Como o inbound é essa estratégia não invasiva, ele é feito de forma gradual, seguindo etapas progressivas de aproximação do cliente, e para que todas essas etapas sejam cumpridas, é necessário o trabalho de várias áreas diferentes dentro de um time de inbound. 

Você sabe a diferença entre inbound marketing e marketing de conteúdo? Não? Então você confira este artigo no nosso blog:

Inbound marketing e marketing de conteúdo: quais as diferenças?

Inbound marketing: quais profissionais contratar?

Na hora de contratar um time de inbound marketing, é importante considerar os objetivos e a capacidade de investimento do negócio. São esses os fatores principais que vão guiar a montagem da equipe e determinar quais funções precisam estar presentes.

Algumas áreas são mais estratégicas e precisam já estar presentes desde o início. Outras, porém, podem ser preenchidas posteriormente.

Vale lembrar que, quanto menor for a equipe, mais generalistas serão os profissionais, já que terão de se ocupar de diversas tarefas. Por outro lado, quanto mais amplo for o time de inbound, mais especializados cada profissional poderá ser em sua respectiva área de atuação.

Vamos conhecer os principais profissionais que você precisa contratar:

1. Líder conteúdo

Utilizando a nomenclatura utilizada aqui na Eixo Digital, o líder de conteúdo é uma figura central em um time de inbound marketing, cabendo a esse profissional o papel de coordenar e direcionar o trabalho de todos os outros profissionais envolvidos no time.

O líder de conteúdo precisa estar diretamente ligado aos objetivos de cada projeto, em constante diálogo com os interesses comerciais envolvidos, a fim de traçar as estratégias que serão seguidas pelos demais membros da equipe para alcançar esses objetivos.

A nossa líder de conteúdo, Camila Serrat, criou este artigo explicando todo o bê-á-bá de uma estratégia de inbound marketing para quem tá começando:

O feijão com arroz do inbound marketing: estruturando o básico e essencial!

2. Estrategista de conteúdo

Ainda seguindo a terminologia de cargos da Eixo, temos também os estrategistas de conteúdo, que são os profissionais responsáveis por colocar em prática as ações e estratégias mais amplas propostas pelo líder de conteúdo.

São parte de suas atribuições a pesquisa e a produção de pautas para artigos de blog, juntamente com a pesquisa de palavras-chave, criação de iscas digitais (e-books, PDFs e infográficos), criação de e-mails para automação, entre outras funções.

Quer conhecer estratégias e exemplos de boas ações de inbound marketing? Então confira este artigo do nosso blog:

O que é inbound marketing: estratégias, exemplos e como fazer?

3. Revisor de conteúdos digitais

Como o inbound marketing se baseia na produção de conteúdo, o revisor de conteúdos é um profissional estratégico em uma equipe de inbound.

Ele é responsável por garantir o padrão de qualidade das produções, seja revisando os artigos do blog, os e-mails das campanhas, legendas para redes sociais, textos das iscas digitais, entre outros.

O papel desse profissional vai além da mera revisão gramatical, como um revisor tradicional faz. Ele também é responsável por garantir que cada conteúdo tenha a linguagem adequada aos objetivos propostos, além de estarem alinhados às estratégias de marketing e às etapas do funil.

Aprenda mais sobre iscas digitais neste artigo do blog da Eixo:

Isca digital: o que é, tipos, exemplos e como criar?

4. Redator

Aqui chegamos ao profissional responsável por traduzir em palavras as ideias e estratégias previamente determinadas. A qualidade do trabalho do redator fará toda a diferença na relevância que seus conteúdos terão.

Suas estratégias de inbound marketing serão proporcionalmente mais eficientes quanto mais relevantes e úteis forem seus conteúdos. E, nesse sentido, o redator tem um papel fundamental.

Seja criterioso ao preencher esse cargo em sua equipe de inbound. Além de se atentar – obviamente – à correção textual do redator (gramática e ortografia), avalie também se ele tem o perfil adequado às pautas que serão produzidas. A depender do tipo de conteúdo, pode ser necessário contratar um especialista na área.

Este profissional pode ser um funcionário interno ou pode ser contratado – o que é mais frequente – como freelancer.

5. Designer

Além das palavras, as imagens também têm um papel fundamental na produção de conteúdos de qualidade – base do inbound marketing.

O designer é o responsável por desenvolver as artes e layouts das landing pages, capas dos artigos do blog, posts para redes sociais, ilustrações, infográficos, entre outros. Caso ele seja um Web Designer, ficará responsável também por desenvolver o layout de sites e páginas de captura.

Não vacile na escolha desse profissional, pois um ótimo conteúdo pode ser sumariamente dispensado pelo seu público-alvo se não for visualmente agradável e atraente. 

6. Analista de SEO

No início dissemos que, ao contrário do marketing tradicional, o inbound marketing se baseia na atração dos usuários, através de conteúdos de qualidade.

Para que esse processo de atração seja eficiente, alguns cuidados precisam ser tomados, para que os mecanismos de busca (como o Google) encontrem os conteúdos que sua equipe produziu e os entreguem aos usuários que estão procurando.

O analista de SEO é o profissional responsável pelos ajustes e otimizações nos conteúdos, além do acompanhamento de métricas e indicadores, tanto para que ele mesmo intervenha em pontos-chave dos conteúdos quanto dê feedbacks aos outros membros do time para melhoria das produções.

Quer aprender mais sobre SEO? Então confira este artigo do nosso blog:

O que é SEO: guia simplificado para qualquer um entender! 

7. Analista de redes sociais

Um braço fundamental hoje em dia em qualquer estratégia de marketing – e no inbound não é diferente – são as redes sociais

As diferentes plataformas pedem ações e conteúdos específicos, com uma linguagem adequada aos usuários daquela rede. Isso torna necessária a presença de um profissional dedicado especialmente a esse fim.

O analista de redes sociais é responsável pela definição de pautas, pela escrita de legendas para as postagens, captação de imagens (fotos de clientes e produtos), entrevistas e depoimentos para os conteúdos, interação com seguidores, monitoramento de métricas de engajamento, entre outras funções.

Este é o nosso guia mais completo sobre inbound marketing. Com ele você terá uma visão 360º sobre todos os aspectos de uma estratégia vencedora:

O Guia Completo do Inbound marketing!

Equipe interna ou contratar uma agência?

Na hora de contratar um time de inbound marketing, é importante considerar o momento do negócio e a capacidade de investimento, pesando o custo-benefício de manter uma equipe interna ou contar com uma agência especializada em inbound marketing para cuidar desse trabalho.

Como vimos no artigo, é necessário um leque amplo de profissionais necessários para colocar de pé e rodando adequadamente um trabalho de inbound. E vale lembrar que, neste artigo, citamos apenas os profissionais essenciais dentro de uma equipe de inbound, mas o ideal é que vários outros também estejam presentes, como analista de desenvolvimento web, profissional de mídia paga, entre outros.

Especialmente para negócios que ainda não têm experiência em gerir uma equipe interna de marketing, contratar uma agência especializada pode ser bastante interessante e seguro, a fim de garantir previsibilidade de custos e garantia de resultados.

Se você quer contar com uma equipe de profissionais especializados em inbound marketing, com larga experiência no planejamento e execução de estratégias de marketing para negócios de diversos segmentos e variados portes, conte com o time da Eixo Digital.

Somos apaixonados por marketing e especialistas em mudar a trajetória de marcas e empresas através do mundo digital.

Quer falar com um especialista da Eixo Digital!

[fbcomments width="100%" count="off" num="3" countmsg="wonderful comments!"]