SEO ou Mídia Paga: quando usar cada um?

Marketing Digital - Morgana Alencar

Se você conhece o marketing digital há algum tempo, já deve saber que SEO e mídia paga são dois conceitos que estão quase que entre os 10 mandamentos do mundo digital.

O primeiro (SEO) diz respeito aos ajustes e cuidados tomados para tornar um conteúdo mais “encontrável” em mecanismos como o Google; a chamada busca orgânica. Já o segundo (mídia paga), tem a ver com o impulsionamento pago às plataformas digitais para levar um conteúdo para um público maior e mais segmentado.

Apesar de serem ambos muito importantes para o sucesso de uma estratégia de marketing, os dois cobram seu preço: SEO exige tempo, tanto para fazer quanto para gerar resultados. Já mídia paga exige investimento financeiro.

Uma das principais dúvidas de quem está batalhando no digital é definir quando usar cada um: SEO ou mídia paga. Essa é mais uma daquelas questões cuja resposta pode ser um frustrante: depende

Quer descobrir o quanto (e quando) investir em SEO ou mídia paga? Acompanhe o artigo! 

 

Vantagens de investir em SEO

Economia de dinheiro

SEO (Search Engine Optimization) talvez seja o mais importante conceito do marketing digital. Isso mesmo! É através desse conjunto de ações, que você faz com que seu conteúdo seja visto por pessoas que procuram produtos ou serviços como os seus na internet.

Por exemplo, o SEO contribui para aumentar o tráfego orgânico no seu site. Ou seja, você aumenta o número de visitantes na sua página sem precisar gastar dinheiro com anúncios. E esse é um dos seus maiores benefícios.

O Google fará por você, de graça, o que alguém sem SEO precisará pagar para ter, porque entende que seu site atende às necessidades do usuário, apresentando um conteúdo relevante e capaz de resolver seu problema.

Outro ponto importante aqui é que, ao contar com boas práticas de SEO, você mantém uma boa posição nos resultados de pesquisa do Google, mesmo que seus concorrentes estejam pagando. Isso equilibra as chances de pequenos negócios frente aos grandes.

Quer aprender a dar seus primeiros passos no SEO?

SEO para blog posts: uma lista com 8 práticas indispensáveis

Resultados orgânicos atraem mais cliques

Você sabia que os resultados orgânicos possuem mais chance de atrair cliques?

Segundo pesquisa realizada em 2019 pelo site especializado SparkToro, os resultados orgânicos atraem 10 vezes mais cliques que os anúncios. 

Uma justificativa para esse cenário é que muitos usuários enxergam menor credibilidade em conteúdos que foram pagos para aparecer.

Também é verdade que o usuário pode se sentir frustrado ao acessar uma página de anúncio e perceber que ali há apenas o direcionamento para venda, destoando da intenção que ele possui no momento: esclarecer uma dúvida.  

Saiba mais!

Tráfego orgânico: entenda o que é e como aumentar

Estratégia mais econômica no longo prazo

Já adiantando uma característica do SEO que é vista por muitos como uma desvantagem: seus resultados não são imediatos. 

Isso significa dizer que, para construir uma estratégia sólida, consistente e capaz de se retroalimentar, é preciso tempo.

Ainda assim, no médio e longo prazo, você perceberá que o SEO tem como uma das suas grandes vantagens a economia de recursos financeiros. 

Sim, no longo prazo é mais barato investir em SEO.

A construção de autoridade e relevância do seu negócio exigem tempo e esforço, assim como testes para compreender o que funciona e o que não funciona. Além disso, o tempo de vida de um site ou conteúdo é visto como um fator de confiança pelo algoritmo do Google. E isso também conta a seu favor com o passar do tempo.

Aprenda a construir um funil de vendas para orientar sua estratégia!

Funil de vendas: o que é, etapas, como criar?

Economia com palavras-chave ao longo do funil de vendas 

Parte importante do planejamento de uma estratégia de inbound marketing consiste na escolha de palavras-chave que são relevantes para o negócio e para o contexto em que seus clientes estão inseridos.

Sendo assim, quando escolhemos as palavras-chave, é essencial contarmos com os recursos de SEO para atingirmos o público certo, tornando nosso conteúdo mais eficiente e, consequentemente, mais rentável.

Conseguimos aproveitar as palavras-chave que são mais caras no planejamento de SEO e economizar o que seria gasto caso fosse necessário pagar por um clique em mídia paga. 

Considerando um exemplo em que há o investimento tanto em SEO quanto em mídia paga, é interessante utilizar o primeiro para aquelas palavras que tiverem o custo mais alto, aproveitando para utilizar nas campanhas pagas apenas as palavras de forem mais baratas

Assim, selecionando a lista de palavras, é possível identificar o que é mais barato ou mais caro, fazendo assim um uso mais inteligente, eficiente e econômico das palavras-chave.

Aprenda mais sobre palavras-chave e funil de vendas!

6 ferramentas gratuitas de palavras-chave: comece a atrair mais clientes hoje mesmo!

Funil de vendas: o que é, etapas, como criar?

 

Desvantagens de investir em SEO

Os resultados não vêm da noite pro dia

Quando levamos em conta uma estratégia que tem como base o tráfego orgânico, é preciso entender que os resultados não vão acontecer da noite pro dia. 

Essa característica torna fundamental focar no aprimoramento contínuo da estratégia e controlar sua ansiedade quanto aos resultados imediatos. É importante saber que o esforço feito (se bem-feito) pelo time será recompensado no médio e longo prazo.

Lembre-se: ainda que os resultados não venham de forma rápida, ao desenvolver um projeto de SEO um dos objetivos é ir gerando autoridade para seu site (e seu conteúdo), sendo essa uma oportunidade de agregar valor à sua marca. 

O algoritmo muda constantemente e você não controla isso

De fato, é preciso que o responsável pelo SEO esteja atento às constantes mudanças promovidas pelo Google. 

O que antes era considerado uma boa prática pode deixar de ser de uma hora para outra. E o contrário a mesma coisa. Por isso, é fundamental ficar atento às alterações e garantir que sua estratégia esteja sempre o mais alinhada possível com as diretrizes do buscador.

Clique aqui para assistir ao vídeo do CEO da Eixo Digital, Rapha Caitano, explicando como o Google escolhe os conteúdos que serão mostrados aos usuários.

Você precisa de uma equipe especializada de SEO

Outro ponto importante é a necessidade de contar com um time especializado em SEO, bem como com profissionais qualificados para produção de conteúdo.

Pelo que já falamos até aqui, você deve ter percebido que o SEO se trata de um trabalho complexo e que envolve diversas frentes em uma estratégia de inbound marketing. 

Mesmo assim, ainda que seja visto como algo “trabalhoso”, um bom SEO é o que trará mais autoridade pro seu site, contribuindo para o seu ranqueamento no Google, com aumento progressivo de visitantes, atraindo e conquistando novos clientes.

 

Vantagens Mídia Paga

Resultados quase instantâneos 

Enquanto os conteúdos do seu site precisam de tempo para serem ranqueados organicamente pelo Google e ganharem novos visitantes, com mídia paga você começa a perceber os resultados de forma quase instantânea.

Assim, se você criou um site ontem, hoje mesmo já seria possível obter resultados através do investimento em mídia paga, levando tráfego para a sua página, conquistando conversões e, até mesmo, compras do seus produtos ou serviços.

A partir do momento que o seu anúncio é feito, o seu negócio passa a ser beneficiado com um maior alcance para o público escolhido (segmentado), aumentando sua exposição e chances de gerar resultados. 

Só não pense que mídia paga é só pagar e pronto!

É preciso que os anúncios sejam gerenciados e bem planejados para atraírem o público correto, gerando o maior alcance possível e de maneira que o orçamento disponível seja direcionado de forma estratégica, evitando desperdício de tempo e dinheiro.

Você pode aprimorar seus anúncios com extensões 

Uma vantagem de aprimorar seus anúncios com extensões é o fato deles contribuírem para o aumento de cliques.

Isso acontece porque assim eles conquistam maior espaço na tela e também fornecem informações que podem ser interessantes para o seu cliente.

Ao fazer uso de extensões, além de entregar as informações básicas do anúncio, é possível adicionar avaliações de clientes satisfeitos, endereço da empresa, destaques para ofertas ou novos produtos disponíveis, etc. Observe o exemplo abaixo:

Assim, esse espaço extra é mais uma vantagem para aqueles que optam por investir em mídia paga.

extensões mídia paga

 

Você pode segmentar anúncios especificamente pro seu público-alvo

Quando você atrai pessoas por meio de mídia paga, outra vantagem é a segmentação de anúncios. 

Para que os resultados sejam os mais eficientes possíveis, é necessário conhecimento de negócio e de mercado, a fim de que os anúncios sejam direcionados corretamente para o público-alvo do seu produto ou negócio

Idade, gênero, dados de interesse e dados comportamentais são alguns dos pontos a serem avaliados no momento de segmentação.

Aprenda a gerenciar uma campanha de marketing!

Veja aqui 3 dicas de como fazer uma campanha de marketing digital bem-sucedida 

Você consegue uma fonte de insights de dados

Como foi dito, é preciso um constante acompanhamento dos anúncios veiculados. Todo esse monitoramento, ajustes, estudos, avaliações, correções de estratégia acabam gerando uma riqueza enorme de insights e novas descobertas sobre seu público e, por que não, sobre seus produtos e serviços.

Todos esses insights podem te ajudar a compreender melhor seu público, assim como suas dores e desejos, que seu negócio está se propondo a sanar.

Quanto mais você for acertando nos anúncios, mais dados relevantes você poderá aplicar também em outras frentes da sua estratégia de marketing digital e até mesmo em seu negócio. 

 

Desvantagens Mídia Paga

Cada clique em seus anúncios vai te custar dinheiro

Cada clique vai te custar dinheiro e o que preocupa nesse caso é que muitos cliques podem vir de usuários que não estão no momento da compra. Ou seja, caso o usuário dê o clique, vendendo ou não você vai pagar.

Produtos ou serviços que possuam um CPC (custo por clique) alto podem gerar gastos elevados que, não necessariamente, trarão resultados positivos pro seu negócio.

Por isso é necessário manter uma análise constante dos resultados e uma contínua otimização das campanhas propostas. 

Você paga pelo custo dos cliques e pelo gerenciamento da campanha

Engana-se quem pensa que mídia paga é só pagar e pronto. 

mídia-paga-não-é-só-pagar-e-pronto.gif

Ainda que os resultados sejam rápidos, quando comparados àqueles trazidos via SEO, é preciso que as suas campanhas sejam constantemente monitoradas, analisadas e otimizadas. 

Uma simples mudança na arte utilizada em determinado anúncio pode aumentar significativamente a taxa de conversão. Da mesma forma, alterações no conteúdo e na segmentação do público também fazem muita diferença – pro bem e pro mal.

Às vezes o CTA (call-to-action) não estava tão claro ou mesmo a imagem/conteúdo utilizados não conectavam com a dor que o seu produto ou serviço se propôs a resolver. 

Mídia paga é teste, teste e mais teste!

E é por isso que não basta ter bom orçamento e verba, é preciso que as campanhas sejam devidamente gerenciadas por um time qualificado. 

Desse modo, além do investimento em cliques, também há a verba a ser direcionada para o gerenciamento da campanha. 

Resumindo:

Comparada com SEO, mídia paga exige um investimento inicial maior para começar.

Mesmo assim, quando você conta com um gerenciamento de campanha bem-feito, o esperado é que esse investimento retorne, contribuindo para o alcance das métricas pretendidas e sucesso do seu negócio.

Quando você desativa seus anúncios, perde sua visibilidade 

Assim, enquanto no SEO sua estratégia de marketing é construída dia após dia, com testes e constantes aprimoramentos, o investimento em mídia paga entrega resultados rápidos, quase instantâneos. 

Por sua vez, à medida que o tempo passa e sua estratégia de SEO continua rodando, os resultados aparecem e podem ir ganhando tração com o passar do tempo, com um conteúdo seu ajudando a impulsionar o outro. 

Por outro lado, não é assim que funciona quando seu foco é apenas em mídia paga. 

Isso porque, uma vez que seus anúncios são interrompidos, a sua visibilidade cai imediatamente. Nesse momento, sua estratégia precisa de outros esforços para se manter gerando resultados. 

Assim, uma desvantagem de contar somente com mídia paga é a ausência de duração e a percepção de que, da mesma forma que os resultados surgem rapidamente, eles também vão cair instantaneamente com a pausa da campanha. 

 

SEO x Mídia Paga: ótimos separados, melhores ainda juntos!

A partir do momento que o seu site passa a performar bem, ou seja, você possui um tráfego relevante, está na primeira página do Google e começa a ganhar autoridade, dificilmente você voltará ao status do início do projeto. 

Essa é uma das vantagens de se optar pelo SEO. É o caminho mais longo, porém mais duradouro e com maiores chances de manutenção da visibilidade alcançada. 

Se com a mídia paga a posição de privilégio é perdida assim que para o investimento financeiro, com SEO o mesmo já não acontece.

Porém, como vimos ao longo do artigo, tanto SEO como mídia paga possuem suas vantagens e desvantagens, e a opção por um ou outro só poderá ser feita a partir de um bom planejamento, que leve em consideração os objetivos do seu negócio.

O melhor dos mundos é usar essas duas ferramentas para trabalharem a favor do seu negócio, agregando o que cada uma tem de melhor, com uma impulsionando a outra e contribuindo para gerar resultados otimizados para sua empresa. 

Então, sim, SEO e mídia paga são ótimos separadamente, cada um com seus pontos fortes e fracos. Agora, não tem como negar que, juntos, são ainda melhores!

SEO ou Mídia Paga

———-

E se você quer ter um time de especialistas planejando e aplicando estratégias (testadas e aprovadas) de SEO e mídia paga em favor do sucesso do seu negócio, conte com a Eixo Digital. Nossas experiências de sucesso com dezenas de empresas nos tornaram referência no Centro-Oeste. E todo esse conhecimento está a serviço do seu negócio.

Clique e fale com um de nossos especialistas

 

Leia também:

4 conteúdos para elevar o nível do seu SEO

[fbcomments width="100%" count="off" num="3" countmsg="wonderful comments!"]