O que eu aprendi com o RD Summit 2016

Inbound Marketing - Raphael Caitano - 20/03/2016

Se você trabalha com Marketing e ainda não conhece o RD Summit 2016, está na hora de “sair da caixinha” e buscar saber mais, pois ele é o maior evento de Inbound Marketing da América Latina. Se você conhece e ainda não participou de um, vou te mostrar motivos de sobra para querer participar da próxima edição.

O evento

A abertura do evento ficou sobre a responsabilidade do economista Ricardo Amorim que usou os números para demonstrar por que estamos vivendo o melhor momento para se investir.

Olhando para o gráfico evolutivo do Produto Interno Bruto (PIB) na história do Brasil é possível notar que todas as vezes que tivemos uma grande queda ou retração da economia, tivemos, em média, o PIB de 6% ao ano nos três anos seguintes. E aí vem AQUELA pergunta que você deve analisar bem antes de responder: você vai esperar todos os investidores, lojistas, empresários (inclusive seus concorrentes) começarem a investir e só depois vai investir na sua empresa? Se a sua resposta foi sim, você vai perder o melhor momento para crescer: o agora.

Palestras

Com o Rafael Rez do portal Marketing de Conteúdo em sua palestra “Conteúdo Fora da Caixa: como se destacar em meio a todo o conteúdo da internet”, ficou claro que quem trabalha com marketing de Conteúdo tem a fixação e o foco de postar em blog, criar E-book, gerar social post, etc. Mas é necessário ir além disso.
Ele demonstrou cases que ajudaram a entender e abrir a mente para algo que todos sabemos: a necessidade do marketing de conteúdo está em entregar valor, além de entregar o conteúdo, claro.

O Eric Santos CEO da Resultados Digitais apresentou o novo RD Station, que ficou muito melhor. A plataforma do RD está com diversos recursos novos que compreendem as quatro fases do funil. Novo editor de Landing Pages, novo editor de E-mail Marketing, novas línguas e fuso horário, reformulação da seção de Mídias Sociais, pop-ups de intenção de saída, formulários inteligentes (Progressive Profiling), engajamento de Leads, nova área de Integrações… Entre outras coisas que só mexendo no sistema para saber. É de cair o queixo o quanto ficou melhor.

Dizem no futebol que time que está ganhando não se mexe, mas em sistemas e nos negócios é um pouco diferente… Por que não melhorar o que já é bom? Essa é máxima da RD.

No Segundo dia do RD Summit 2016 foi a vez da palestra da Martha Gabriel sobre “Sustentabilidade do Ser”, gerando alertas importantes para todos que focam em trabalho e acabam deixando de lado a saúde e o bem-estar (como eu, que sou workaholic e me senti com a orelha puxada).

Na apresentação, ela mostrou um estudo de Harvard que concluiu que as pessoas que tiveram sucesso na carreira não são as mais felizes, mas as que tiveram sucesso nos relacionamentos. Então fica a dica: vamos equilibrar a vida pessoal e profissional. Isso é saúde e qualidade de vida, ok?

Ainda sobre palestras, a do Oli Gardner ficou entre as minhas preferidas. Ele deu dicas de como construir páginas de resultado, sejam elas institucionais ou Landing Pages. Ele apresentou diversos cases em que conseguiu aumentar as taxas de conversão fazendo mudanças simples, como alterar a frase de destaque, imagem de fundo, retirar menu, entre outros. O que achei mais legal foi que ele disponibilizou um kit prático para criar uma landing page.

Já o Gabriel Costa da Resultados Digitais deixou 10 técnicas avançadas (e práticas) para dar atração ao seu negócio. Assista a apresentação dele.

O Fábio Prado Lima mostrou em sua palestra como extrair o máximo dos seus anúncios do Facebook Ads, dicas e recursos que fazem muita diferença na aplicação do dia a dia da agência. O que também é totalmente útil.

A palestra mais aguardada do último dia dia foi a do Neil Patel. A plenária estava lotada, o que já era de se esperar. Ele mostrou de diversas formas o que tem feito para alavancar o número de visitantes, taxa de conversão e as principais métricas que fazem dele uma das maiores referências de Marketing Digital do Mundo.

Network

Quase impossível não ter network. A produção do evento possibilitou que sempre estivéssemos em contato com desconhecidos que também estão mega interessados no mundo do Inbound Marketing. Era possível conhecer muita gente nova nas palestras, nos corredores, na feira de negócios, na área dos foods trucks… A troca de cartões foi constante. Conheci novos parceiros, revi amigos e fornecedores.

E então, Raphael, você indica o RD Summit?

INDICO DEMAIS! O evento superou minhas expectativas (e olha que elas eram altíssimas). Agora, é colocar em prática todos os conhecimentos adquiridos e iniciar a contagem regressiva para o RD Summit 2017, que de acordo com o Erick Santos pode ser RD BOAT 2017. Eu curti muito a ideia, e você o que acha?

Espero te encontrar por lá, hein?

Comentários