Imagens que vendem: aprimorando sua estratégia nas redes sociais

Redes Sociais - Morgana Alencar

Um dos desafios ao elaborar artes de redes sociais para somar às ações de marketing digital é combinar os elementos visuais com o conteúdo em questão. Nesse contexto, as imagens que vendem são aquelas em que a comunicação acontece da melhor maneira, sem o excesso ou falta de informações. 

A proposta deste artigo, portanto, é te ajudar nessa estratégia a partir do contexto em que a arte e o conteúdo caminham lado a lado, contribuindo para seus resultados de marketing digital. Topa esse desafio?

Veja também:

O que é Inbound Marketing: estratégias, exemplos e como fazer!

Plano de marketing 2021: arrumando a casa

Como produzir artes conectadas com a demanda da audiência

Usando como gancho a metodologia de Inbound Marketing 

Descobrindo como atrair 

Imagino que você já deve ter ouvido falar que uma imagem vale mais que mil palavras, certo? 

De fato, estudos comprovam que sim.

Desde 1970 são realizados estudos com a mente humana que deixam claro que tanto imagens são mais memoráveis como também 43% mais persuasivas que textos

Mais recente, em 2014, outro estudo realizado pelo Socialbakers comprovou que as fotos compartilhadas no Facebook eram responsáveis por 87% de engajamento.

Assim, não pairam dúvidas sobre como a arte para redes sociais é um importante veículo de atração de novos clientes para o seu negócio. 

Veja a seguir algumas dicas que devem ser utilizadas para tornar a arte dos seus posts ainda mais atraente ao seu público. 

  • Persona: Navegando pelas mídias sociais é possível se deparar tanto com perfis monocromáticos como também com aqueles que usam e abusam da diversidade das cores. E como saber qual estilo é ideal para o seu negócio? Conhecendo a sua persona. Conhecer o seu cliente ideal é o primeiro passo para compreender se vale investir em imagens que passam sensação de confiança, que sejam mais sérias ou mesmo divertidas.
  • Identidade visual: Mesmo que você opte pela diversidade de cores, vale manter alguns elementos ou cores principais que sejam utilizados para identificar o seu negócio e diferenciá-lo dos demais. Ter uma identidade visual é demonstrar consistência e contribuir para que sua empresa seja facilmente reconhecida. 
  • Equilíbrio entre imagem e conteúdo: esse pode ser considerado um dos maiores desafios a ser enfrentado na elaboração de um post. Da mesma forma que é inegável a importância do conteúdo, o excesso dele nas imagens acaba dificultando a leitura e tornando-a pouco atraente. Por isso, busque ao máximo o equilíbrio entre imagem e o conteúdo. 
  • Clareza: esteja atento ao excesso de elementos visuais ou uso de cores que dificultam a leitura e entendimento da imagem. Invista em imagens minimalistas e vá ganhando confiança a cada novo post. Na dúvida, menos é mais.

Principalmente quando pensamos em mídias sociais como Instagram e Facebook, as imagens possuem grande potencial de atração, sendo capazes de despertar o interesse do seu visitante e mantê-lo curioso em relação ao que você tem a dizer. 

Por outro lado, se uma imagem vale mais que mil palavras, quais palavras a sua imagem está comunicando? 

Intensificando a conversão 

A lógica por trás das comunicações digitais consiste em manter os usuários navegando pelo máximo de tempo possível, engajando com os perfis, consumindo conteúdo e comprando serviços e produtos. 

Na prática, isso é feito com o uso de algoritmos que compreendem o que é interessante para cada visitante e traçam um perfil de comportamento, de modo que eles continuam sendo abastecidos com aquilo que é capaz de prender a sua atenção.

Além disso, notificações de curtidas, comentários e compartilhamentos são responsáveis por nutrir o ego e acabam por gerar expectativa, levando esse usuário a retornar às mídias sociais para visualizarem as novidades no seu feed. 

Se por um lado é inegável a importância do engajamento e a validação dos seguidores, por outro é preciso que curtidas se transformem em vendas para que o seu negócio passe a ser impactado pelo seu trabalho de inbound marketing.

Encare as suas mídias sociais como um meio que deve viabilizar que esse usuário complete a missão proposta pelo seu negócio. 

Nesse contexto, a rede social é caminho, um aluguel por temporada, que deve ser percorrido e ocupado pelo seu cliente ideal no sentido de direcioná-lo até o seu real destino, que é o seu site, sua casa.

Sabemos que a todo momento a lógica dos algoritmos é modificada e também que um post no instagram tem vida útil média de 1 dia.

Daí a necessidade de ter o site próprio da sua empresa, uma garantia de que o seu conteúdo sempre estará disponível para quem desejar acessá-lo, sem a dependência dos algoritmos e das mudanças realizadas nas redes sociais. 

Deseja saber como um blog pode contribuir com a sua estratégia digital? Leia também: 

Por que ter um blog traz mais dinheiro pro seu negócio

Além disso, se a realidade se apresenta assim, é preciso que as mais de mil palavras ditas pelas imagens do seu post levem o seu visitante à conversão.

Em uma estratégia de inbound marketing, o conteúdo publicado em suas mídias sociais deve levar o visitante do seu perfil a converter de alguma forma, portanto é com esse mindset que você deverá desenvolver a arte para redes sociais. 

Utilize texto e elementos que contribuam com esse fluxo, de modo que alguma ação seja tomada, como seria o caso de cliques no link que estão na bio do seu Instagram. 

O seu visitante passa a ser um lead (cliente em potencial) quando fornece algum dado para contato, como seria o caso de e-mail ou telefone, que podem ser solicitados para que ele acesse material produzido pela sua empresa, cadastre-se para receber uma newsletter, entre para sua lista de transmissão, etc.

Todos esses links podem ser adicionados às redes sociais da sua empresa, facilitando a conversão e que esse potencial cliente continue percorrendo a sua jornada de compra.  

Veja também:

Marketing Médico no Instagram: como atrair pacientes com o seu perfil

Invista em relacionamentos duradouros 

Como foi dito acima, as redes sociais são um excelente meio para auxiliar na conversão e contribuem para o negócio estreitar os laços com seu cliente. 

Na etapa do relacionamento você perceberá o quanto as mídias sociais são importantes para o seu inbound marketing. 

Uma forma de aproveitar bem as conversões e construir o relacionamento com o seu cliente é através do e-mail marketing. 

Tanto é possível iniciar esse relacionamento a partir das redes sociais como também nutri-lo com o envio de e-mail compartilhando seus principais posts ou IGTVs, garantindo assim que a sua empresa esteja presente em diferentes canais, formatos e momentos do dia a dia do seu potencial cliente. 

Fique atento: em uma estratégia de Inbound Marketing a intenção não é encaminhar infinitos e-mails promocionais por dia!

 

Conectar com o seu cliente vai muito mais do que oferecer o seu produto ou serviço. Em um mundo em que o excesso de informação mais atrapalha que ajuda, aproveite essa etapa do Inbound Marketing para fazer diferente e melhor que a maioria. 

Imagens que vendem

Nem sempre todas as fases serão percorridas para chegar até o momento de fechar negócio e conquistar mais um cliente para a sua empresa. 

De todo modo, ao relembrarmos o que foi dito até aqui fica claro o quanto uma imagem pode valer mais que mil palavras e direcionar o usuário na direção certa, contribuindo para que ele acesse todas as informações necessárias e, em um momento futuro, esteja preparado para tomar a decisão de compra. 

Um exemplo de como imagens podem ajudar em uma venda é um recurso disponível para perfis no Instagram que possuam mais de 10 mil seguidores.

Em uma semana em que o seu serviço ou produto esteja com condições de compra facilitadas, por exemplo, você poderá produzir uma arte para as redes sociais e adicioná-la aos stories do seu Instagram com o respectivo link e uma chamada para arrastar para cima. 

Nesses casos será possível adicionar o link na imagem dos stories do Instagram. Assim, caso o usuário fique interessado, bastará um simples “arrastar para cima” para que ele seja direcionado ao seu site e saiba mais sobre as condições de compra. 

Veja também:

Como vender na internet sem gastar com anúncios

Ainda, negócios que trabalham com produtos mais atrativos visualmente podem caprichar nas fotos e aproveitar o recurso do Instagram que possibilita visualização de etiqueta indicativa de preço. 

Essa é uma ferramenta interessante para negócios como moda, maquiagem, decoração, etc.

Analisando resultados

Como saber se algo está dando certo ou errado sem realizar testes e analisar os resultados? 

Comprovar o retorno sobre investimentos consiste em um dos grandes pilares do Inbound Marketing e pode ser realizado com o uso de ferramentas como RD Station e Google Analytics.

Nesse sentido, quando aplicamos a análise do Inbound Marketing à produção de arte para redes sociais se torna possível verificar qual formato está dando mais resultado, possibilitando melhorias contínuas e a manutenção daquilo que está funcionando. 

Uma dica é utilizar ferramentas para realizar o monitoramento das redes sociais, sempre estando atento àquelas publicações que estão gerando maior engajamento, curtidas, compartilhamentos, salvamentos, etc. 

Você ficará impressionado com os insights que terá a partir da análise desses dados e compreenderá ainda qual é o perfil da persona do seu negócio. 

Leia também:

Ferramentas de gerenciamento e gestão de redes sociais: conheça as melhores

—-

Chegamos ao final deste artigo e espero que ele tenha sido útil para você! Ficou com alguma dúvida? Entre em contato com o time da Eixo Digital e derrube todas as barreiras que impedem seu negócio de crescer!

E se você deseja ler um material completo sobre Inbound Marketing aproveita para clicar no link abaixo:

Guia Completo de Inbound Marketing

[fbcomments width="100%" count="off" num="3" countmsg="wonderful comments!"]