Como usar as redes sociais a favor da sua estratégia de marketing digital?

Redes Sociais - Raphael Caitano

Uma coisa você não pode negar: as redes sociais vieram para ficar!

Com o passar do tempo, um número cada vez maior de pessoas ao redor do mundo ingressam em alguma rede social, seja para compartilhar fotos e interagir com amigos, influenciadores e celebridades, seja para compartilhar e acompanhar notícias e informações.

E o Brasil, com uma população de mais de 209 milhões, também reflete essa constatação. Por aqui, cerca de 62% da população brasileira está ativa nas redes sociais, um dado bastante expressivo e que mostra que as redes sociais representam um campo bem promissor para as suas estratégias de Marketing Digital.

Para saber como utilizar melhor as redes sociais em suas estratégias digitais, acompanhe o artigo!

A importância de usar as redes sociais no marketing digital

 

Um planejamento de marketing digital envolve várias ações: e-mail marketing, mídias pagas, iscas digitais, landing pages, conteúdos de blog, vídeos, dentre tantas outras possibilidades. E todos essas ações podem ser divulgadas com o uso das redes sociais, aumentando o alcance, o engajamento, as visitas do seu site e as conversões.

Sendo assim, a rede social serve como um suporte e como um meio para potencializar os resultados das sua ações digitais.

Leia também:

Por que minha empresa precisa estar nas redes sociais?

As redes sociais e como elas podem ser usadas

Para comprovar tudo o que você leu até aqui no nosso conteúdo, vamos mostrar um pouco de cada uma das redes sociais mais usadas atualmente e como elas podem ser uma ferramenta de sucesso para sua empresa: Acompanhe!

Instagram

 

O Instagram é, sem dúvidas, a rede social do momento. Depois de ter desbancado o Snapchat com o recurso de postar Stories, o Instagram passou a ser o principal canal de divulgação e comunicação entre empresa e clientes.

A rede permite compartilhar fotos e stories — fotos, vídeos ou “gifs” instantâneos que desaparecem após 24 horas.

Para uma empresa, uma ótima estratégia é utilizar o Instagram para, primeiramente, fortalecer sua marca e identidade. E atenção: com imagens bonitas, pois a rede é extremamente visual e voltada para fotos de qualidade. Menos propaganda por aqui, ok?

Muitas empresas investem em um design específico para o feed do perfil, o que facilita a identificação do conteúdo pelo usuário.

Outro ponto que deve ser levado em consideração é o uso dos Destaques de Stories. Nesses destaques, você pode construir o que seria um Menu de Navegação da rede, com a apresentação dos principais produtos ou serviços do seu negócio, cases de sucesso, dentre outros. Se você tiver mais de 10.000 (dez mil) seguidores, maravilha! Você poderá compartilhar links pelos stories e enriquecer ainda mais a sua estratégia, levando os seguidores diretamente ao seu site.

Nos Stories instantâneos, é possível colocar pequenos vídeos que divulguem algum produto ou serviço da empresa, divulgar um conteúdo publicado no blog, dentre outras ações pontuais.

Lembre-se: a rede social é um canal de relacionamento e não de venda. Mas, de forma estratégica, é possível conduzir seus seguidores por uma jornada de compra e levá-los para uma conversão em seu site.

Um exemplo que temos é o perfil do Instagram da Clínica do IMEB, administrada pela Eixo. O intuito da página é se relacionar de forma educativa e relevante para o público da clínica — em sua maioria, pacientes que já realizaram alguma consulta por lá ou que buscam informações na internet sobre assuntos de saúde em geral. Para possibilitar conversões, o seguidor consegue agendar e consultar resultados de exames e acessar e-books logo pelos links dos Destaques.

Leia também:

O que é o Instagram Analytics e como ele pode auxiliar na sua estratégia?

Instagram: como alavancar suas vendas por meio da rede?

Facebook

 

A rede social mais conhecida e mais falada não pode ser deixada de fora do seu marketing digital. Ela é considerada um ponto-chave de divulgação, já que, com base em pesquisas, você deve ter visto que a persona da sua empresa está lá.

Cerca de 130 milhões de brasileiros estão ativos hoje no Facebook, sendo a segunda rede mais usada pelos brasileiros, atrás apenas do Youtube. Logo, ainda que o Facebook tenha sido ultrapassado por outras redes em ascensão, ele ainda continua bombando e gerando alto engajamento para as estratégias de Marketing Digital.

Inclusive, é quase que obrigatório que uma empresa que deseja estar consolidada na internet, tenha uma página no Facebook. Geralmente, é por lá que os possíveis clientes irão conhecer o seu negócio e o seu site. Então, lembre-se de colocar as informações principais, como: site, telefone para contato, email, e um resumo do que trata o seu negócio.

Use essa rede social para compartilhar os artigos do Blog do seu site, com conteúdos que atraiam e nutrem os seus visitantes dentro de um funil de vendas. O Facebook, assim como o Instagram e praticamente todas as redes sociais listadas aqui, permite também que você anuncie e faça campanhas relativas ao seu negócio.

Isso vai fazer com que sua empresa apareça no feed do Facebook de usuários selecionados que, de alguma forma, possam se interessar pelo seu produto ou serviço. É uma ótima forma de mirar seu público em potencial e fazer com que se convertam em leads qualificados.

Leia também:

Confira 5 dicas para sua empresa arrasar no Facebook!

Linkedin

 

O Linkedin é hoje a maior rede social corporativa do mundo – informação extremamente relevante para quem deseja usá-la a favor do marketing digital. Embora seja uma rede de relacionamento, seu foco principal é o networking profissional.

Para as empresas, o que é fundamental ter em mente na hora de publicar no Linkedin, é que todas as pessoas que estão acessando o conteúdo e estão consumindo a informação, são pessoas que desejam ler o texto para fins profissionais.

Desta forma, é indispensável separar bem os conteúdos e publicar apenas aqueles que podem agregar algum valor para os profissionais da rede, garantindo assim um alcance maior.

Então, faça uma pesquisa prévia para verificar se a sua audiência, se a sua persona está presente, em grande peso, nessa rede social. Se sim, explore todas as ferramentas que ela possibilita, como: compartilhar artigos e notícias, publicar artigos autorais para gerar credibilidade, além de promover conteúdo para aparecer no feed dos usuários.

Leia também:

O Linkedin é uma boa ferramenta para vendas?

Youtube

 

Enquanto o Instagram é a rede social do momento, o Youtube é a rede social que já se consolidou e mostra um crescimento de usuários a cada ano que passa. Em outras palavras: quase todo o mundo está no Youtube, seja publicando ou assistindo algum vídeo.

No Brasil, é a rede que registra maior acesso — cerca de 60%, na frente do Facebook, que registra atualmente cerca de 59%. Lá, sua empresa pode publicar vídeos informativos e promocionais para a audiência que está em peso por lá, além de compartilhar esses vídeos em seu site e demais redes sociais. É uma outra boa estratégia de nutrição de leads, pois gera engajamento e interesse com a marca.

Leia também:

Como usar anúncio em vídeo para aumentar as suas vendas

É muito importante diversificar as redes sociais na hora de promover seu negócio. Por exemplo: às vezes, parte da sua audiência prefere assistir a um vídeo do que ler um texto. Então que tal fazer um vídeo ilustrativo como alternativa para o texto do seu blog?

Até o Google encara com bons olhos um negócio que explora o Youtube em suas estratégias. Um blog post, por exemplo, que é intercalado com um vídeo que trata do mesmo assunto, tem mais chances de ser melhor ranqueado do que um blog post que contenha apenas um texto. Interessante, não é?

Essas são apenas algumas das redes sociais na qual, provavelmente, a sua audiência está ativa. Mas fique sempre por dentro do seu mercado e analise o comportamento do seu público, para identificar possíveis mídias que eles estejam mais engajados.

Gostou do artigo? Que tal compartilhar ele nas suas redes sociais e ajudar para que ele chegue em alguém que também precise ler isso?

Leia também: 3 dicas para uma campanha de marketing digital bem-sucedida

Comentários